Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Correntes

em busca do pensamento livre

Correntes

em busca do pensamento livre

da adopção de crianças

22.11.15
        Impressionou-me ouvir a Igreja reivindicar superioridade moral na Educação de crianças; e logo em crianças carentes de adopção. Das duas uma: já não há produção de espelhos ou espera-nos o fim do mundo.    

Da Europa ao rubro

16.07.15
      A maioria dos eleitores europeus (e dos eleitos) defende o euro como garante da paz, da solidariedade entre povos e dos restantes ideais europeus. Ou seja, pensam em política e desconhecem o amanhã em termos económicos e financeiros. Essa supressão do futuro, que arrasta os mais conscientes economistas, não impede conclusões fundamentadas sobre um passado recente em que a Europa austeritarista foi um erro grave que sucedeu a outro: um desenfreado investimento público (...)

dos dez anos de prisão efectiva para duarte lima

28.11.14
        Se o processo de constituição do direito é fenomenológico e normativo, impõe-se a interrogação: quais são os momentos dos normativos vigentes? Os especialistas responderão: direito só há um o vigente e mais nenhum.     A vigência é o modo de ser do direito e engloba duas categorias: a validade e a eficácia. Para Kant, por exemplo, "a validade sem eficácia é inoperante e a eficácia sem validade é cega".   Um Estado que se afirma de direito, como o (...)

"Vê lá que a filha da minha empregada senta-se ao meu lado na faculdade"

01.11.14
    "Vê lá que a filha da minha empregada senta-se ao meu lado na faculdade", é um espanto misturado com indignação que pode ser escutado aos filhos da geração ainda adolescente no 25 de Abril e nas que se seguiram.   E nesse grupo encontramos, para além dos óbvios e imutáveis conservadores, MRPP´s, esquerdas minoritárias diversas, socialistas e sociais-democratas de vias avançadas e até os freaks da altura.   Não direi que é uma desilusão, pois para isso (...)

dinheiro directo

02.03.12
         "(...)até os alunos foram recompensados do seu esforço intelectual recebendo um prémio em dinheiro, dinheiro directo! - a mais alta perversão dos valores morais que esta classe política indigna cometeu(...)"   Miguel Real (2011:20). "Nova teoria do mal". Lisboa. D. Quixote