Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Correntes

da pedagogia e em busca do pensamento livre

Correntes

da pedagogia e em busca do pensamento livre

Comentei pelo Facebook Sobre as Avaliações Externas com Crianças

10.12.20
Ideias soltas para uma espécie de arquivo. Se "Singapura, Taipé-Chinês, Coreia, Japão e Hong Kong foram os que obtiveram melhores resultados nos testes TIMSS, sendo que Singapura lidera todos os rankings", e se considerarmos a influência das tais "Mães-Tigre" no treino intensivo das crianças top-perfomers (até criticado pelo actual ME de Singapura), temos que considerar que mais treino intensivo em aritmética garantirá melhores resultados, e não piores, neste domínio parcelar. (...)

Das Alterações Climáticas à Febre do PISA

08.12.19
  Enquanto os nossos representantes políticos se entretinham a discutir as formalidades da passagem da jovem Greta, com o Presidente da República a advogar o seu raro não aparecimento com o temor do "oportunismo", a imagem dá uma ideia da atmosfera que Madrid recentrou. Esta nossa fuga cíclica ao essencial, ou a opção pelo simplismo, tem algum paralelo com a discussão à volta da febre do PISA e com o óbvio sublinhar da OCDE com os progressos de Portugal desde 2000. Mas quando (...)

PISA e Repetições

03.12.19
  Temos aí o PISA 2018. E, numa primeira análise, repitamos: uma população mais escolarizada e menos pobre vai reduzindo, naturalmente, o insucesso e abandono escolares e melhorando os resultados em testes internacionais como o PISA.  Quando a sociedade estagna, as oscilações são, em regra, pequenas. É também o caso português. A partir da última década do século XX fomos diminuindo a pobreza e aumentando a escolaridade. Os resultados no PISA, por exemplo, melhoraram (...)