Em busca do pensamento livre.

Quarta-feira, 29.08.18

 

 

Há uma dicotomia no aproveitamento europeu dos impérios: Grécia, Itália, Espanha e Portugal (nem todos na mesma escala) não mantiveram muitas das riquezas materiais até à actualidade; pelo contrário, Holanda, Bélgica, Noruega, Reino Unido, Suécia, Alemanha e França (e ainda a Suiça e o Luxemburgo) mantêm os domínios essenciais. E não basta olhar para a bandeira das multinacionais europeias bem sucedidas. Há ainda negócios de biliões que passam pela energia e existem interesses fundamentais no ouro e nos diamantes (até nos de sangue). É também isso que o eurogrupo não deve esquecer quando analisa as políticas de austeridade e as acusações de despesismo dos povos do sul. Aliás, a bandeira portuguesa, hasteada no ponto mais setentrional da Europa, é um bom ponto de partida histórico que Centeno não desconhecerá.

 

IMG_0958

Sagres. Agosto de 2018.

 

 

 



publicado por paulo prudêncio às 10:53 | link do post | comentar | partilhar

Sábado, 09.12.17

 

 

Assim de repente, a frase que escolhi para título deixou-me surpreendido. É que ouvi uma entrevista radiofónica ao ministro da educação e não apreciei as analogias entre políticas da educação e resultados de futebol. E confirmei de tal modo as piores expectativas, que quando li o título pensei em euro 2008 como campeonato da europa de futebol; afinal, esse foi em 2004.

"O euro de 2008 e o euro de 2018 não são a mesma moeda". "Estou convicto de que vivemos, neste momento, uma janela de oportunidade, que pode ser única", diz Mário Centeno na sua primeira entrevista como presidente do Eurogrupo.

A mesma entrevista tem uma frase que tranquiliza o velocíssimo comentador Marcelo: "Mário Centeno garante que eleição para a presidência do Eurogrupo não vai provocar "alterações orgânicas no Ministério das Finanças""



publicado por paulo prudêncio às 10:47 | link do post | comentar | ver comentários (2) | partilhar

Terça-feira, 05.12.17

 

 

 

 

Com a possibilidade de Mário Centeno presidir ao Eurogrupo, os analistas apressaram-se na desvalorização associada à impossibilidade de o Governo dar asas às ideias iniciais. A concretização da presidência desorientou-os; e não são os únicos. Mas mais: quem contraria os seus raciocínios, é de imediato arrumado na prateleira dos ingénuos. Ou seja, advogam o imobilismo e o fim da história. Esse cinismo nem se deve confundir com desistência, porque, em regra, defendem os interesses beliscados com o algoritmo inicial de Centeno. De qualquer dos modos, é em Bruxelas que muito se decide. Há que tentar. Algo mudou. No mínimo, os tempos de crise não são tão acentuados. O facto do Governo alemão precisar do SPD e prescindir dos liberais pode fazer alguma diferença. Veremos os próximos capítulos.



publicado por paulo prudêncio às 10:19 | link do post | comentar | partilhar


Inauguração do blogue
25 de Abril de 2004
Autor:
Paulo Guilherme Trilho Prudêncio
Discordâncias:
Mais até por uma questão estética, este blogue discorda ortograficamente
arquivo
comentários recentes
A sério?! Obrigado.
É um óptimo sinal.
tanto pode ser América como Portugal...
Já agora, que tal implementar esta lei na carreira...
subscrever feeds
mais sobre mim
Por precaução
https://www.createspace.com/5386516
ligações
blog participante - Educaá∆o - correntes .jpg
tags

antero

avaliação do desempenho

bancarrota

bartoon

blogues

campanhas eleitorais

cartoon

circunstâncias pessoais

concursos de professores

contributos

corrupção

crise da democracia

crise da europa

crise financeira

desenhos

direitos

economia

educação

escolas em luta

estatuto da carreira

falta de pachorra

filosofia

fotografia

gestão escolar

história

humor

ideias

literatura

luís afonso

movimentos independentes

música

paulo guinote

política

política educativa

professores contratados

público-privado

queda de crato

rede escolar

ultraliberais

vídeos

todas as tags

favoritos

bloco da precaução

pensar o sistema escolar ...

escolas sem oxigénio

e lembrei-me de kafka

as minhas calças brancas ...

as minhas calças brancas ...

reformas e remédios (1) -...

sua excelência e os númer...

posts mais comentados
Razões de uma candidatura
https://www.createspace.com/5387676