Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Correntes

em busca do pensamento livre

Correntes

em busca do pensamento livre

o velho pragmatismo

07.01.13
              Temos lido notícias assim ao longo dos anos. O pragmatismo alemão, e não só, claro, negoceia em todas as latitudes. Esperemos que os cidadãos da Coreia do Norte vejam alguma luz.    

bandeira branca hasteada por um dia

20.09.12
                  (Este texto foi escrito em Junho de 2004. Resolvi reescrevê-lo e reeditá-lo)       Passei uma tarde encantadora. Foi um descanso merecido para um corpo que vai aturando maçaduras diversas. O dia soalheiro ajudou, a cadeira de jardim encorpou-se de vez e as leituras estavam a condizer. Se a perfeição existe, estive lá perto. Foram momentos de um (...)

maturidade cívica ou um perigoso salve-se quem puder?

13.11.11
      A história não se repete, pelo menos exactamente, e é arriscado prever o desenvolvimento desta crise. Um aspecto nada favorável na condição portuguesa é a situação do actual presidente da República. Não só pelo "monstro" que projectou como resposta à necessidade de votozinhos, mas principalmente pelas diabruras (um eufemismo para designar os inúmeros casos (...)

estaladiço, o referendo

01.11.11
      O governo grego decidiu dar voz institucional ao povo. Atitude corajosa ou de quem já não sabe o que fazer? De um modo ou de outro, ou até por outra razão, o que é certo é que os gregos fizeram estalar os consensos nos bastidores do euroviete supremo e nos seus satélites. A categoria satélite pode, neste caso, ter uma influência determinante e ditar as regras do jogo. Re (...)

não gostei

08.03.11
      Não gostei da sobranceria (isto para ser brando) que o chefe do governo usou para se referir aos jovens que interromperam, em Viseu, um comício do PS. Foi de muito mau gosto que tivesse dito que era uma partida de Carnaval e demonstrou como a estratosfera portuguesa, que viveu de benesses ilimitadas e de outras coisas mais, não (...)

parcerias

02.03.11
      A razão normalmente vence. O tempo de espera para a sua realização é que pode ser longo. Nesse caso, a exigência remete-nos para duas parcerias: a da razão com a paciência e a da razão com a determinação.