Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Correntes

em busca do pensamento livre

Correntes

em busca do pensamento livre

"A decadência do ensino público"

24.06.18
      "A decadência do ensino público" é o título da "Carta de Semana" do 1º caderno do Expresso de 23 de Junho de 2018. Mesmo que a carta contenha pequenas imprecisões, é surpreendente que não exista um partido representado na Assembleia de República preocupado com o assunto. Mas o melhor é ler.  

"Apelo aberto de quem já ultrapassou o limite de tolerância."

14.04.16
      Recibi por email devidamente idenficado.   "Tendo como destinatário o governo da república...     Dirijo-me a V.Exa com a remota esperança de usar o seu poder para terminar com uma injustiça kafkiana que se manteve nos últimos anos. Exercendo a profissão docente no quadro do ME há mais de duas décadas, sou castigado há 10 anos na progressão na carreira sem conhecer o crime que cometi, tendo contudo, cumprido sempre diligentemente o dever profissional. A (...)

carta aberta - mário silva

25.09.14
      Recebi por email com pedido de divulgação:     "Estimados bloguers, Acompanho com assiduidade os blogues do quarteto educativo como outros que têm o mínimo de imparcialidade e rigor técnico, como forma de reconhecimento pelo trabalho apresentado, já que não possuo as qualidades para pertencer e colaborar nesses grupos que se destacam. Dito isto, envio em anexo um artigo de um comentador do jornal Expresso que me fez revolver as entranhas, levando à náusea. Simpatizo a (...)

um desabafo de célia lopes sobre o concurso de professores

23.09.14
        Recebi por email com pedido de divulgação:     "A maior vergonha dos últimos tempos...     Assisto incrédula aos últimos acontecimentos. Não sei aquilo que me deixou mais perplexa, se o erro matemático cometido e já admitido na colocação de professores se os acontecimentos que se seguiram, assistimos na última semana a um ministro que assume o erro ao ponto de pedir desculpas aos portugueses mas não ao ponto de se demitir, tenta menorizar um erro (...)

carta aberta a medina carreira

19.08.14
        Medina Carreira é uma personagem da silly season all the year. É o típico conservador que malha que se farta nos do costume e que se engasga demasiado na relação comunicacional com os DDT. Forma um tríptico com Gomes Ferreira da SICN e com Camilo Lourenço, mesmo que estes dois venham a assumir um qualquer estatuto de "arrependidos".   Dei pela existência de Medina Carreira em 23 de Janeiro de 2010 (

dar tempo

20.01.14
      Quando acumulamos experiência com alguma atenção à mediatização das questões de uma determinada área, basta esperarmos que o tempo passe para encontrarmos contradições associadas a algumas asserções: nunca nos pomos completamente no lugar do outro e só quando sentimos na pele as injustiças é que percebemos o alcance do que nos queriam transmitir.   Vivemos um período, que já vai longo e que começou em 2007, que a história retratará, no mínimo, como (...)

mais um dia triste para a história da Educação em Portugal

18.12.13
      A profissão de professor em Portugal é a mais devassada do mundo conhecido. Há anos a fio que é assim. Invariavelmente, os média abrem os serviços noticiosos com ignomínias à volta da profissionalidade dos professores. Há mesmo quem se interrogue se este "ódio" à escola pública não representa um qualquer medo com a democracia.   Hoje volta a ser assim com a prova de ingresso para os professores contratados. Tenho estado fora da rede e este regresso deixa-me (...)

anabela bragança responde a Miguel S. Tavares

19.06.13
      "Caro Miguel. Desde já peço desculpa pela familiaridade do trato, mas como nos conhecemos tão bem sinto-me no direito de ser mais tu-cá-tu-lá consigo. Li o seu artigo sem adulteração, aquele do Expresso do último sábado, do dia 15 de Junho de 2013. Escrevo a data completa porque a quantidade de textos que debita poderiam criar na sua cabeça alguma confusão sobre o espaço temporal a que me refiro. Devo dizer que é um texto bem escrito, daqueles que se (...)