Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Correntes

em busca do pensamento livre

Correntes

em busca do pensamento livre

o centro foi eliminado?

18.10.15
      Considero precipitado anunciar o "fim" do centro político e o início de um segundo fôlego da democracia portuguesa. Parece-me que os factos são de outra natureza. Já se vislumbra uma clarificação no PS, mas o PSD mantém-se na nuvem que a volúpia do poder permite.   Quando há cerca de um ano Mário Draghi e o BCE mudaram a trajectória em 180 graus, era previsível, como logo se disse, que os indicadores europeus melhorassem e que Portugal escapasse à bancarrota (...)

O grupo Lena e o centrão

23.04.15
      O Grupo Lena é de Leira e o Grupo GPS (cooperativa de ensino) tem a sede na mesma zona. Sempre se conheceu uma estreita relação entre as duas organizações na edificação de "colégios", um nome fino, e nas surpreendentes licenças de construção de escolas para alunos financiados pelo Estado e com uma contratação de professores sem concurso público. O denominado centrão está ligado ao assunto e aguardam-se os resultados, também na Educação, da grande operação do (...)

tiver?! são uns cómicos

03.03.14
              A confusão entre os verbos ter e estar deve ser uma gralha do expresso online que sublinhei a bold. Mas que Barroso aponta tanto para o ter como para o estar, lá isso é uma verdade conjugada pelo mainstream.   Repare-se: Passos & Seguro são considerados fotocópias (mais ainda porque Passos faz de conta que se esqueceu do fanatismo ideológico de (...)

há, como sempre, alternativas

10.12.13
        "Não há alternativas" é o discurso dos ultraliberais, mas também dos sociais-democratas e socialistas que, acima de tudo, aspiram aos elevadores da oligarquia em detrimento do exercício político que os aproxime do que dizem professar. Só a conta-gotas é que alguns deserdados das ideologias descritas se vêem afastados das benesses ilimitadas e atirados para o lado mais fraco da luta de classes. Só quando chegam aí, e ainda são poucos, é que acordam.   Joseph Stiglitz (...)

A arte de mentir nas redes sociais

17.11.13
        A sociedade portuguesa confronta-se com um fenómeno: as denominadas "campanhas negras" contra pessoas promovidas pelos grandes partidos - mais o PSD na crónica de VPV - que usam os tais voluntários jotinhas (alguns bem entradotes) a quem é prometido, e concretizado, um emprego no Estado ou nas instituições que a este se encostam. É só ver a lista das entidades que ficam imunes aos cortes a eito ou que vêem o financiamento reforçado, como os gabinetes ministeriais.  

na estratosfera já não há só florete: há molhos

06.11.13
          É o CDS quem Governa o MEC e a ofensiva em curso de destruição da escola pública só pode ter duas explicações: o pequeno partido da direita radical está em roda livre ou está a aplicar um qualquer acordo secreto dos partidos do memorando que deixou cair a escola pública.   Alguma da intenção legislativa dos últimos dias ainda requer regulamentação e o tal de guião da reforma do estado já parece em descrédito acentuado. Um qualquer optimista podia crer que (...)