Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Correntes

em busca do pensamento livre

Correntes

em busca do pensamento livre

Palavras Cruzadas do Expresso?

17.07.19

 

 

Tanta indignação com a pessoa que fez as palavras cruzadas do Expresso; só falta uma petição. É mais um sinal da ampliação de fenómenos que dois dias depois passam ao esquecimento. É que nem é preciso sair do ambiente educativo para encontrar silêncios à volta de indignidades mais significativas sobre os professores. Por exemplo, recomeçam amanhã vigilâncias de exames que chegam a quatro horas com as seguintes regras: sem sentar, sem consumir alimentos, sem ler e, aí obviamente, sem usar dispositivos electrónicos de comunicação. Se necessitarem de ir ao WC, e note-se que estão dois professores por sala, têm de esperar por um substituto e não podem voltar à sala de exame: ficam o resto do tempo num espaço incomunicável com o exterior.