Em busca do pensamento livre.
Sexta-feira, 8 de Junho de 2018

 

 

 

Reabriu, algures no mês passado, a época do "arremesso ao professor". Está novamente num auge. Há mais de uma década que é assim. Não há profissão mais devassada e por dois motivos principais que há muito repito: os professores são muitos e as "elites" são predadoras. Aliás, bem nos lembramos do propalado "prestigio" incorruptível da alta finança. Está num grau tão abaixo de zero que exigia comedimentos se não fosse a falta de vergonha. Mas não são só as "elites" que não aprendem. Já temos tempo suficiente destas andanças para conhecermos os verdadeiros motivos de diversas posições. Já são muito poucos os que se iludem com os discursos das oposições ou que desconhecem as origens irritadas de quem governa. Uns e outros deviam recordar o passado e que ninguém desvalorize os movimentos que nascem fora do mainstream

3ef7ad0d7de6056caaca1d57e992ecb2

 

Encontrei a imagem aqui



publicado por paulo prudêncio às 13:56 | link do post | comentar | partilhar

2 comentários:
De mario silva a 8 de Junho de 2018 às 23:01
ainda esta semana comentava com um companheiro de longa data, que após tantos anos a acompanhar o mundo mediático, começa-se a ver padrões; e um deles é a aversão social à profissão docente, sempre com posições acintosas contra ela, que não se vê noutras profissões mesmo quando estão em conflito social (por exemplo, médicos, enfermeiros, policias, militares, etc.). E confessei que não conseguia encontrar uma explicação sociológica mas apenas a tese da massificação (uma classe com muitos profissionais): maior oferta implica maior degradação de valor. (e lembrei o que está a acontecer na classe médica). E a repetição temporal dos ataques tornam mentiras em verdades...


De paulo prudêncio a 9 de Junho de 2018 às 16:32
É um bom ângulo de análise. Os professores são muitos e permitem exercícios orçamentais como nenhum outro grupo na administração central.


comentar post

Inauguração do blogue
25 de Abril de 2004
Autor:
Paulo Guilherme Trilho Prudêncio
Discordâncias:
Mais até por uma questão estética, este blogue discorda ortograficamente
arquivo
comentários recentes
Enfim.Contudo, é bom recordar que fervilha a contr...
o jornal Público hoje noticiava que o PCP 'acha-be...
São muitos e a avaliação blá, blá, blá :)
Nem mais. Era interessante uma discussão pública s...
Nem mais. 20340 :)
o PR em relação a outros casos (médicos, enfermeir...
Mas a avaliação não ser por pontos revelou-se desv...
subscrever feeds
mais sobre mim
Por precaução
https://www.createspace.com/5386516
ligações
blog participante - Educaá∆o - correntes .jpg
tags

antero

avaliação do desempenho

bancarrota

blogues

campanhas eleitorais

cartoon

circunstâncias pessoais

coisas tontas

concursos de professores

contributos

corrupção

crise da democracia

crise da europa

crise financeira

desenhos

direitos

economia

educação

escolas em luta

estatuto da carreira

falta de pachorra

filosofia

fotografia

gestão escolar

história

humor

ideias

literatura

luís afonso

movimentos independentes

música

paulo guinote

política

política educativa

professores contratados

público-privado

queda de crato

rede escolar

ultraliberais

vídeos

todas as tags

favoritos

bloco da precaução

pensar o sistema escolar ...

escolas sem oxigénio

e lembrei-me de kafka

as minhas calças brancas ...

as minhas calças brancas ...

reformas e remédios (1) -...

sua excelência e os númer...

posts mais comentados
Razões de uma candidatura
https://www.createspace.com/5387676