Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Correntes

em busca do pensamento livre

Correntes

em busca do pensamento livre

Lidar com "Golas"

18.09.19

 

A demissão do "secretário de Estado da Proteção Civil que é arguido no caso das golas inflamáveis" recorda-me a rejeição dos ambientes de baixa política associados a comprovadas falcatruas. Compreendo os que se afastam disso por nojo e impossibilidade relacional. Veremos o que é que a justiça apura e se o arguido demissionário é uma "vítima", e está inocente, da "máquina das golas" ou um elemento da dita.

6 comentários

  • Vítima por "ter" que se demitir ao ser constituído arguido. Só isso. Concordo: "Um arguido não é um criminoso - é um suspeito. Tem os mesmos direitos que antes, apenas tem alguns deveres adicionais, conforme as medidas de coacção."
  • Imagem de perfil

    Sarin

    18.09.19

    Para mim, demonstrou mais seriedade do que muitos.
    E é pelos sérios, as tais eventuais vítimas (que me levaram a questionar-lhe o sentido da palavra), que defendo a suspensão de funções, não a demissão - exactamente porque um arguido não é um culpado :)
  • Deixemos que a justiça funciona; mas que funcione mesmo e com os meios necessários.
  • Imagem de perfil

    Sarin

    18.09.19

    Isso mesmo :)

    Boa noite.
  • :) "funcione e não funciona" :). Obrigado. Boa noite também.
  • Comentar:

    CorretorEmoji

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.