Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Correntes

em busca do pensamento livre

Correntes

em busca do pensamento livre

do haircut do GES

28.07.14

 

 

 

 

Quando há uma falência, é preciso determinar os passivos e os activos e calcular a percentagem da dívida que não será satisfeita: a reestruturação. É isso que já se deve estar a fazer com o GES e que se denomina por haircut. É sempre isso que se faz. Há, todavia, excepções: a Grécia e Portugal. O segundo foi mesmo um bom aluno que satisfez os mercados que não se cansam de premiar os governantes lusitanos.

 

3 comentários

  • Sem imagem de perfil

    Rui Ferreira

    28.07.14

    É já um cansaço, que nos retira a vontade de ler estas notícias.

    Estas notícias já causam vómitos.

    Mas o que provoca uma espécie de comichão, é vermos que estes gestores incompetentes e vigaristas, continuam a saborear o sol como os mais justos e cumpridores cidadãos.

    Neste País não há uma ponta de vergonha?

    Quem tem poderes para representar o povo e fazer justiça em seu nome, o que tem feito?

    Continuam a correr atrás dos pilha-galinhas?

  • Enfim.
  • Comentar:

    CorretorEmoji

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.