Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Correntes

da pedagogia e em busca do pensamento livre

Correntes

da pedagogia e em busca do pensamento livre

Avaliar É Classificar

28.04.20

Não raramente, atribui-se ao verbo "avaliar" um conceito mais abrangente do que ao uso do verbo "classificar". O segundo é visto como mais métrico. Essa dicotomia não é verdadeira em termos etimológicos e docimológicos e tem, quando muito, um uso de senso comum ligado muitas vezes à ciência política. Ou seja, avaliar, que significa "determinar a valia ou o valor de" é sinónimo de classificar, que significa "distribuir em classes ou grupos com características semelhantes; determinar a classe de algo dentro de um conjunto; colocar numa dada ordem; ordenar; atribuir uma nota a; qualificar". 

Quem avalia ou classifica fá-lo com finalidades diferentes: diagnósticas, formativas ou sumativas. Por outro lado, há domínios subjectivos ou objectivos em universos escolares mais cognitivos, motores ou afectivos. Em todos os casos usam-se instrumentos qualitativos ou quantitativos diversos, desde tabelas de observação aos mais variados modelos de testes. Portanto, os sinónimos avaliar e classificar devem procurar o rigor científico nas mais variadas finalidades, domínios e modelos taxonómicos e com instrumentos que recolham dados de todos os avaliados de determinado grupo em igualdade de circunstâncias.

Nota: desde as décadas de 50 e 60 do século passado que investigadores como Michael Scriven, Daniel Stufflebeam, Gilbert e Viviane Landsheere e alguns outros realizaram estudos concludentes sobre o assunto.

4 comentários

Comentar post