Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Correntes

da pedagogia e em busca do pensamento livre

Correntes

da pedagogia e em busca do pensamento livre

fechaduras

13.08.15
                           1ª  edição em 19 de Abril de 2009.       No dia da inauguração da Escola Básica Integrada de Santo Onofre, a 10 de Setembro de 1993, ocorreu uma pacífica invasão da comunidade tal era a curiosidade em conhecer uma escola que nasceu numa zona que há muito ansiava por uma estabelecimento de ensino com aquelas características. Um detalhe interessante desse dia marcado por uma natural euforia, constou do seguinte: cada fechadura, da grande (...)

do óbvio, da internet e do intemporal

06.06.15
        É interessante esta entrevista a Humberto Eco onde o jornalista salientou uma frase que tem tanto de óbvio como de intemporal: "A internet é perigosa para o ignorante e útil para o sábio".   Foi George Orwell quem disse que "descemos a um ponto tal que a reafirmação do óbvio é o primeiro dever dos homens (...)

Da guerra aos professores: números e curiosidades

25.02.15
        A guerra aos professores, confessada por António Costa do PS, foi declarada em 2006 e prossegue. Tem tido picos. Nuno Crato perpetrou o mais elevado e sairá ao nível de Lurdes Rodrigues.   Do primeiro dia de aulas de 2006/07 até ontem, leccionei 2976 aulas a 1176 alunos (não contabilizei as inúmeras substituições).   Como sou sempre o primeiro a chegar à aula (e com os alunos da puberdade a preparação do espaço nos intervalos, se existirem, ajuda muito) e o (...)

das relações

28.11.14
        Mesmo numa lógica de conhecimento sumário e introdutório, deve precisar-se que agir sobre a informação é não só atuar sobre os dados obtidos, mas proceder sobre as relações que se estabelecem, “(...) ou seja, sobre os padrões coletivos ou individuais de formatação e através deles sobre a perceção do real e sobre a ação que dela decorre (...)” Rascão (2004, pág. 21).

da internet, do óbvio e do intemporal

10.04.14
      É interessante esta entrevista a Humberto Eco onde o jornalista salientou uma frase que tem tanto de óbvio como de intemporal: "A internet é perigosa para o ignorante e útil para o sábio".   Foi George Orwell quem disse que "descemos a um ponto tal que a reafirmação do óbvio é o primeiro dever dos homens inteligentes" e, apesar de Humberto Eco (...)

do criador da Siri

17.03.14
          O ambiente de sociedade de informação nas organizações escolares deve incidir na simplificação dos procedimentos informacionais que envolvem os professores e os restantes profissionais.   Se isso acontecer, está dado um primeiro e fundamental passo para que as tecnologias e o software só entrem nas salas de aula de forma sensata e com alergia aos modismos.   "O criador da Siri, a aplicação que serve de assistente pessoal no iPhone e que a Apple comprou por 200 milhões de dólares, veio a Portugal dar conselhos de empreendedorismo (...)

semântica e sintaxe

27.12.13
            O texto de John Searle que se encontra no livro "Mente, Cérebro e Ciência" pode ajudar a explicar o desinvestimento (que também se expressa nas inutilidades que o poder central exporta incessantemente) na escola pública em Portugal.   Fica-se com a certeza que os sucessivos "habitantes" do MEC não conhecem a semântica que envolve as escolas portuguesas: (...)