Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Correntes

em busca do pensamento livre

Correntes

em busca do pensamento livre

Golas

30.07.19
  O "caso golas" parece ilustrar a tão falada captura do estado pelos aparelhos. Fica uma certeza: só a mediatização mete pedras numa qualquer engrenagem. O poder central, e as suas ramificações, “obriga” uma maioria governativa a ocupar cerca de 4.000 empregos (dito por um especialista) que efectivamente governam a generalidade dos ministérios enquanto ministros e secretários de estado, também segundo especialistas, palmilham quilómetros em acções de representação (...)

A Direita e os Professores

29.07.19
Os mais diversos analistas e comentadores políticos não perdem uma oportunidade para “culpar os professores” pelo desaire eleitoral do PSD e CDS sempre com uma mensagem subliminar: os portugueses não apoiam as causas dos professores. Como não tenho essa capacidade de adivinhação, remeto-me para a história: os portugueses sabem que a direita nunca faria diferente nas causas dos professores e penalizaram, e penalizam, o oportunismo de insinuar o contrário.

Os Imutáveis

27.07.19
  Nem os estudos associados ao confronto com a realidade demovem a terceira via que chefiou a educação nos governos de Sócrates. Essa Nova Política de Gestão Pública datou-se com um péssimo lastro histórico. Os seus efeitos ainda geram uma eclosão enevoada porque os destinatários estão exauridos de tanta canseira

Sorte

18.07.19
    "(...)A certa altura, a jornalista pergunta a Bragança de Miranda se ele nunca quis ser artista. O entrevistado diz uma série de coisas sobre o seu percurso pessoal e profissional e termina assim: "Felizmente, veio a Revolução que acabou com todas essas ilusões." Porquê, diz a jornalista?: "Porque a Revolução era bem mais importante. E foi um momento fantástico que só quem o viveu pode verdadeiramente perceber. Quem não teve a sorte de ter vivido o 25 de Abril tem que se (...)

Mais ou Menos Décimas

16.07.19
  A análise dos resultados dos alunos obedece a uma métrica inútil e algo ensandecida. Discutir a oscilação anual de décimas não devia ser deste tempo e é pena que as entidades responsáveis não dêem o exemplo. Têm o software SPSS da IBM - lançado em 1968 - que faz, com facilidade, regressões lineares múltiplas, a partir da escolha de variáveis independentes e dependentes, e permite conclusões sustentadas. Por exemplo, estou seguro que a distribuição geográfica da (...)