Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Correntes

da pedagogia e em busca do pensamento livre

Correntes

da pedagogia e em busca do pensamento livre

da direita dos interesses e dos subsídio-dependentes

11.05.16
    A direita, mais ainda a neoliberal, enche o discurso com os subsídio-dependentes. Parece uma obsessão. A PàF reduziu ao mínimo o rendimento mínimo garantido, os subsídios de desemprego, o apoio à cultura e o investimento na escola pública. Era tudo subsídio-dependente. Mas, e recordando o desnecessário exemplo da Igreja Católica na polémica dos colégios "privados", é a histeria se o Estado reduzir subsídios em algumas áreas, como a referida, as Misericórdias ou as (...)

Leia, sff, mas sentado

04.02.16
      Leia, sff, e tente adivinhar quem fez estas declarações antes de encontrar as soluções no parágrafo final; mas sentado como na imagem (prémio 2014 do melhor cartoon da Press Cartoon Europe).   “Não é preciso ser altruísta para apoiar políticas que elevem a renda dos pobres e da classe média. Todos beneficiarão com essas políticas porque são essenciais para gerar crescimento mais alto, mais inclusivo e mais sustentado. Ou seja, para se ter crescimento mais (...)

da realpolitik e das presidenciais - 2

28.01.16
        "(...)Interessante é ver o enorme contraste entre os resultados das esquerdas inovadoras e das esquerdas conservadoras. Enquanto aquelas - esquerda do PS e BE - averbaram ganhos significativos, estas - o PS neoliberal e o PCP ortodoxo - registaram perdas claríssimas. E estas, infelizmente, foram suficientes para anular, a favor da direita, os ganhos obtidos.(...)". O que leu é parte de um texto de José Sarmento Ferreira no facebook e é bem elucidativo da confusão à (...)

Boas Festas e um 2016 cheio de esperança

30.12.15
            Gosto de ter um blogue e existem possibilidades relacionais com as redes sociais que doutro modo seriam improváveis. Uso esta forma, o email, para desejar as boas festas a familiares, amigos de sempre ou mais recentes, reais ou virtuais e também a quem passe pelo blogue, twitter ou facebook. Se o leitor não está com pressa, e (...)

ficamos 18, disse o PR

29.06.15
      "Se a Grécia sair ainda ficam 18. Há outros que querem aderir", disse Cavaco Silva num registo áudio que ouvi na TSF. Como não tinha imagem, não confirmei se foi um improviso; mas deve ter sido, tal a demonstração de generosidade. Cá para mim, o júri do Nobel tem andado distraído com a sapiência deste lusitano que é o único cientista económico do planeta a adivinhar o futuro e sem qualquer dúvida.