Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Correntes

em busca do pensamento livre

Correntes

em busca do pensamento livre

do gáudio com a precarização

24.11.12
          Do que tenho assistido nos últimos anos com a destruição da escola pública, o que mais me surpreende é ler ou ouvir professores a defenderem a precarização do seu grupo profissional (em regra, convencem-se que escapam, coisa que nem os reformados têm como garantida, e fazem-no para agradar à entidade que servem). Há já história mais do que suficiente para os aconselharmos a serem ponderados.   Participei numa série de debates sobre gestão escolar (...)

só mesmo com um grande se

30.10.12
                                  Vi o ontem o jurista Paulo Saragoça da Matta, numa entrevista a Mário Crespo, defender a avaliação dos juízes. Fiquei com a ideia que é também professor de magistrados e advogou a pontuação dos seus pares como um caminho inalienável para a meritocracia e para os ganhos de credibilidade junto da opinião pública. No (...)

10, sempre as 10

01.10.12
      Estava, ontem, a tomar um café e a ler o Público e não conseguia deixar de ouvir a conversa animada na mesa do lado. A esplanada estava cheia e os quatro "vizinhos", dois homens e duas mulheres, falavam da conferência algarvia em que António Borges classificou de ignorantes os empresários anti-TSU e em que Relvas mostrou preocupação com o crédito dos políticos europeus (um comentário noutro post confirmou esta afirmação).   Um dos masculinos tecia laudos à (...)

mais umas "reformas" e...

28.09.12
      Num tempo em que os países de língua portuguesa voltam a ser destino migratório (ou, para sermos modernos, de circulação), os mais jovens até podem pensar que o nosso sistema escolar está mais avançado e têm razão. O que talvez não saibam é que não foi sempre assim e que houve tempos em que se equivaliam ou nem isso.   Com o actual modelo de gestão escolar, e com mais duas "reformas" em cima, atingiremos o patamar angolano. Aliás, o detalhe "repartição" já (...)

desculpas

19.09.12
      A rotina é antiga: tenho uma ideia, lanço o título para o post, escrevo as ideias-chave e temporizo a publicação para muito mais tarde. A supressão do tempo leva a que, por vezes, a publicação aconteça nessa versão rascunho. Aconteceu há pouco com o post "dois modos" e peço desculpa. Tentarei que não volte a suceder.