Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Correntes

em busca do pensamento livre

Correntes

em busca do pensamento livre

canetas

30.01.11

 

 

 

Ao que me dizem, a actual ministra do trabalho era uma sindicalista bem relacionada junto do soviete supremo europeu (SSE), também conhecido por poder central - que se faz pagar principescamente -  duma europa à deriva e que continua a produzir um dilúvio de minutas que têm regulado o caminho em direcção à vida eterna.

 

Tenho estado atento às declarações desta governanta. Aplico-me na observação dos comportamentos políticos de quem se dizia da defesa dos mais fracos. A referida ministra tem um jeito meio mimado de se exprimir, mas essa irritante forma não é para aqui chamada. O que me deixa perplexo é a sua convicta adesão a tudo o que seja destruição dos direitos inscritos no código do trabalho.

 

Os mentores dessas ideias andam há mais de dez anos a advogar precariedade e recibos verdes como panaceias para combater o desemprego. Em Portugal, já quase que só existem jovens precários e com recibo verde e o desemprego vai em números inéditos. Não satisfeitas, as canetas mimadas do SSE atiram-se às indemnizações por despedimento como aqui. Parece que só pararão quando a destruição lhes bater também à porta.

 

"Helena André quer pôr Portugal e Espanha em sintonia laboral

O Governo quer reduzir o valor das indemnizações por despedimento. A proposta aponta para o pagamento de 20 dias por cada ano de trabalho, em vez dos actuais 30 dias. Além disso, passa a existir um tecto de 12 meses no pagamento de compensações. A ministra do Trabalho, Helena André, diz que o objectivo é o de aproximar a legislação laboral de Portugal e Espanha."

8 comentários

Comentar post