Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Correntes

em busca do pensamento livre

Correntes

em busca do pensamento livre

escola pública e eleições

17.01.11

 

 

O meu ideal cimeiro é a escola pública e a defesa do seu poder democrática. E não me venham com a aquela tralha demagógica que insinua que esses ideais são um obstáculo à inovação e ao compromisso com o ensino de qualidade. Há mais do que provas do contrário. E mais: o melhor que as sociedades humanas conseguiram foi em ambiente democrático.

 

Para além disso, a luta política e as escolhas que fazemos são determinantes.

Vivemos tempos de campanha eleitoral. A minha memória diz-me que são talvez as eleições presidenciais mais decisivas; ou pelo menos desta vez temos mais consciência disso.

 

Nas anteriores presidenciais Manuel Alegre afirmou-se contra a máquina deste PS. Registou uma derrota digna, pareceu-me. Desta vez optou por não hostilizar um PS que tem figuras e práticas impossíveis de compatibilizar com a agenda do poder democrático da escola. É essa a principal componente crítica da candidatura de Manuel Alegre e já o sublinhei diversas vezes.

 

Cavaco Silva não tem tanta responsabilidade como o governo nos últimos cinco anos. Mas tem o silêncio estratégico (para ser brando) nesse período e a história contra si.

 

Os restantes candidatos não têm qualquer possibilidade de vitória, parece-me, e qualquer deles tem marcado pontos positivos.

 

Tenho uma certeza: numa segunda volta entre Manuel Alegre e Cavaco Silva, voto no primeiro. Será um voto contrariado. Compreendo a política real e o taticismo, mas Manuel Alegre não nos tinha habituado a isso.

8 comentários

Comentar post