Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Correntes

em busca do pensamento livre

Correntes

em busca do pensamento livre

maputo

02.09.10

 

 

Ainda há dias escrevi que Maputo é a cidade da primeira linha das minhas emoções e que estou sempre atento ao que por lá se passa. Embora não tenha o hábito de escrever sobre acontecimentos trágicos como os que se estão a registar neste momento na capital moçambicana, não consigo ficar indiferente a notícias como esta.

 

Os relatos recordam-me as situações de estado de sítio que vivi no período entre Abril de 1974 e a independência de Junho de 1975. Revoltas semelhantes numa zona urbana cercada por bairros de caniço, pela fome e pela miséria. Quase 40 anos depois, a qualidade de vida da maioria da população continua no nível que as datas simbólicas referidas quiseram contrariar.