Em busca do pensamento livre.
Segunda-feira, 10 de Maio de 2010

 

Foi daqui

 

É da história e não fui buscar, sei bem disso, algo que não se conheça em detalhe. O óbvio, o recorrente e mesmo o redundante acabam sempre por provocar-me. O Zé Ninguém, "(...)o homem comum, é capaz de fazer de si próprio, de como sofre e se revolta, das honras que tributa aos seus inimigos e do modo como assassina os seus amigos. Sempre que chega ao poder como “representante do povo”, aplica-o mal e transformado em qualquer coisa ainda mais cruel do que o sadismo que outrora suportava por parte dos elementos das classes anteriormente dominantes(...)."

 

Nunca me passou despercebido. Um qualquer Zé Ninguém, e logo que contacta com a volúpia poderosa, é capaz de se sentir dono do mundo e de tratar de modo altaneiro os seus subordinados. Com os professores acontece o mesmo. Referem-se de peito inchado, e com desprezo, aos seus colegas de outrora com um "eles": os outros; os culpados. Não tarda, imaginam um perigoso burburinho pelos sítios por onde passam, vêem sombras perseguidoras a cada passo e incomodam-se com a presença em sala de professores; desfalecem e obstinam com a descoberta do melhor modo de criar raízes nas cadeiras.





publicado por paulo prudêncio às 11:04 | link do post | comentar | partilhar

7 comentários:
De Resistente a 4 de Maio de 2010 às 12:46
Lapidar Paulo.


De Maria Simas a 4 de Maio de 2010 às 14:47
Divinal, para não variar.


De anónimo a 4 de Maio de 2010 às 15:51


De anónimo a 4 de Maio de 2010 às 18:52
Tás cuma veia...


De Vicente Fróis a 4 de Maio de 2010 às 22:43
Muito bom. É um retrato da escola do ano passado...


De Vicente Fróis a 5 de Maio de 2010 às 15:14
Retrato da minha escola do ano passado em Lisboa.


De Vasco Leitão a 5 de Maio de 2010 às 22:09
Vem mesmo a propósito:

Vasco Santana, no papel de um estudante universitário ... Dizia ele, "afinal, sou ou não sou Doutor?"

Drs . há muitos no desemprego... seu palerma!



comentar post

Inauguração do blogue
25 de Abril de 2004
Autor:
Paulo Guilherme Trilho Prudêncio
Discordâncias:
Mais até por uma questão estética, este blogue discorda ortograficamente
arquivo
comentários recentes
A luta não terminou e deve ser levada para o quoti...
Boas, boas, boas, são mesmo as boas novas da Teres...
e entretanto vamos sendo brindados com esta grande...
subscrever feeds
mais sobre mim
Por precaução
https://www.createspace.com/5386516
ligações
blog participante - Educaá∆o - correntes .jpg
tags

antero

avaliação do desempenho

bancarrota

blogues

campanhas eleitorais

cartoon

circunstâncias pessoais

coisas tontas

concursos de professores

contributos

corrupção

crise da democracia

crise da europa

crise financeira

desenhos

direitos

economia

educação

escolas em luta

estatuto da carreira

falta de pachorra

filosofia

fotografia

gestão escolar

história

humor

ideias

literatura

luís afonso

movimentos independentes

música

paulo guinote

política

política educativa

professores contratados

público-privado

queda de crato

rede escolar

ultraliberais

vídeos

todas as tags

favoritos

bloco da precaução

pensar o sistema escolar ...

escolas sem oxigénio

e lembrei-me de kafka

as minhas calças brancas ...

as minhas calças brancas ...

reformas e remédios (1) -...

sua excelência e os númer...

posts mais comentados
Razões de uma candidatura
https://www.createspace.com/5387676