Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Correntes

da pedagogia e em busca do pensamento livre

Correntes

da pedagogia e em busca do pensamento livre

a pequena face

21.03.10

 

 

Foi daqui

 

 

 

esta esquisita prova me tentou

de tecer um rumor em muros de água

ossos de terra calcinada

o jugo


culpado me castigo com engenho

e da voz desenhada o artifício

restos de pele antiga

no laço da armadilha


em silêncio me muro e me demoro

no cálculo de rotas inexactas


em duro arbítrio quer que me desprenda

dos cinco ou mais sentidos

vou ser livre na terra desnudada

vou dizer o que sei como quem mente.

 

(continua)

 

 

 

António Franco Alexandre,

Poemas,

 

Assírio e Alvim

página 175