Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Correntes

da pedagogia e em busca do pensamento livre

Correntes

da pedagogia e em busca do pensamento livre

a propósito do aumento das desigualdades em Portugal nos tempos de crise

11.12.16

 

 

 

Escrevi há tempos no facebook que "a partir da revolução tecnológica (RT), a produtividade de cada pessoa triplicou mas aumentou o desemprego estrutural. É um dado fundamental para a discussão sobre impostos e desigualdades. A RT originou outra discussão fundamental: os robots "devem descontar" para a segurança social? Num nível mais imediato, temos a taxação dos mais ricos, os tais 1%, que, surpreendentemente, origina sempre uma contestação inflamada de uma parte dos 99%." Uns tempos depois, e a propósito de Trump ter declarado que teria 1 dólar de salário como Presidente, concluí, também na rede social, que "é fundamental que os robôs paguem segurança social, mas com salários de 1 dólar por ano não vamos lá." Dá ideia que Trump confirma um tom humorístico que se pode tornar trágico.