Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Correntes

em busca do pensamento livre

Correntes

em busca do pensamento livre

da análise do caso CGD

22.06.16

 

 

 

O surrealismo, como corrente artística de vanguarda que influenciaria o modernismo entre as duas grandes guerras do século XX, estará patente no neoliberalismo que afundou o país e a maioria das instituições.

 

Ansiamos por uma saída. Olhar para essa corrente ajudaria, até para os que atingiram um pico de adrenalina como foi o caso do ex-primeiro-ministro que anteontem confessou sobre o inquérito à CGD: "infantil manobra tática preventiva" do parceiro da bancarrota.

 

Ou seja, primeiro destrói-se e depois "trocam-se infantilidades". E aí voltamos à análise do surrealismo. A sua saída exige psicanálise. Convém recordar que a corrente de Sigmund Freud penetrava no inconsciente, o que influenciou decisivamente o surrealismo como actividade criativa.

 

49ba7104039431cd22f9067808447d01.jpg

 

O manifesto 2.0 - pela comunicação social e o futuro

22.06.16

 

 

 

É evidente que o manifesto dos blogues da Educação terá desenvolvimentos. Espero, ainda esta semana, fazer outro post sobre o assunto. 

 

O Expresso viu a acção assim: "Blogues da Educação juntam-se "pela Escola Pública". O Público noticiou do seguinte modo: "Escola Pública deve ter margem para se autogovernar, defendem professores". O blogue "ComRegras" analisa o "E depois do manifesto?". O blogue "O meu quintal" analisa "E depois?"

 

E com todo respeito pela coragem informada do actual Governo numa pequena parcela da Educação, há todo um universo para mudar e, em muitos casos, para além dos orçamentos; ou ainda, investimentos que resultam em melhores orçamentos.

 

 

depositphotos_20079161-Cartoon-question-mark.jpg