Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Correntes

em busca do pensamento livre

Correntes

em busca do pensamento livre

mais um pico do dominó grego

23.06.15

 

 

 

 

O fenómeno grego condiciona os políticos europeus e provoca um mar de contra-informação com coreografias acompanhadas pelos fazedores de opinião. Ninguém escapa à voracidade do momento e à procura do lugar na fotografia certa.

 

Schäuble e os seus seguidores finlandeses, holandeses, irlandeses, espanhóis e portugueses, os últimos talvez os mais além do fanatismo, tremem com a vitória helénica que levará os eleitores a perceberem erros históricos. Os adversários do grupo referido anseiam pela vitória grega: uns preferem após prolongamento porque são assim-assim e outros porque sempre apontaram alternativas. EUA, China e Rússia estão do lado grego e, embora os dois primeiros tenham muito financiamento a perder, estão assustados com a escala de uma próxima guerra.

 

Conclui-se, portanto, que um mérito grego é ter-se apropriado da posição que toca na primeira tecla destes dominós agora jogados numa versão beta para computador.

 

18030245_Aws4n.jpeg

 

o eufemismo "palavra de Crato" vale quantos minutos? (exercícios de memória)

23.06.15

 

 

 

 Da saga dos mitos urbanos:

 

O professor colocado a 12 de Setembro na BCE a 300 Kms de casa, ouviu as garantias do ministro, pagou os dois meses de aluguer da casa, matriculou os dois filhos pequenos perto da nova escola e hoje disseram-lhe que passasse nos serviços administrativos. O assistente administrativo, e talvez para aligeirar o ambiente, sentenciou: "O professor tem que assinar este papel de despedimento".

Não gosto de fulanizar, mas, que raio, há coisas que são sei lá o quê. A pessoa que ontem tomou posse e que assinou esta sentença é militante do PSD. Contudo, em 2010 andava pelo "Novo Rumo" do PS.

A confiança dos professores na palavra do MEC desceu a um grau impensável. Já nem um contrato para um ano consegue um mês de garantia.

 

Post de 3 de Outubro de 2014.