Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Correntes

em busca do pensamento livre

Correntes

em busca do pensamento livre

das campanhas eleitorais e das televisões

11.11.14

 

 

 

Foi por volta de 2006 que quebrámos a regra caseira de ligar a televisão apenas às 21h00. Havia excepções, obviamente, mas o desvio acentuou-se com a sucessão de tresloucados, e tresloucadas, que foram governando a Educação.

 

O telejornal das 20h00 passou a antecipar o toque no "on". Por princípio, o canal público generalista tem preferência. Mas nas últimas semanas o alinhamento da RTP1 entrou, declaradamente, no frenesi da campanha eleitoral. Bem sei que falta um ano para as legislativas, mas há vícios que a democracia não resolveu como também se constata em tanto BPN, BCP, PPP´s, BES, PT e por aí fora. A dificuldade está na escolha da alternativa e o clique no "off" está sempre à mão.

 

 

 

 

Ganda Filipa!

11.11.14

 

 

 

Foi às 15h00 do dia 7 de Novembro de 2014, num anfiteatro do Instituto Superior Técnico da Universidade de Lisboa, que a Filipa Isabel Rodrigues Prudêncio defendeu, com a nota máxima, o seu doutoramento com o título "Revisiting bi-isotropic media: a new analytical and geometrical approach".

 

fifas1.JPG

 

Duas horas e meia depois, a fotografia da Filipa com o júri. 

 

fifas2.JPG

 

A Filipa e o Professor finlandês Ari Shivola que é uma das principais referências bibliográficas que a Filipa referiu.

 

fifas3.JPG

 

A Filipa e os seus colegas e amigos. Era evidente uma boa onda.

 

fifas4.JPG

 

A Filipa, os pais e o Professor Carlos Paiva, orientador principal do doutoramento.

 

fifas5.JPG

 

O abraço da mãe.

 

fifas6.JPG

 

 

O abraço do pai.

 

fifas7.JPG

 

 

A comemoração.

 

fifas8.JPG

 

Fotografei e fiz vídeos. A sala estava composta nas filas mais atrás. Nada sei do conteúdo da "Revisiting bi-isotropic media: a new analytical and geometrical approach", mas olhei para a ideia desburocratizada da forma: 134 páginas, sem qualquer nota de rodapé e com a bibliografia considerada essencial.

 

Ganda Filipa!

 

 

 

 

ja é de plutão

11.11.14

 

 

cavacosilva+oliveiracosta+diasloureiro.png

 

É vulgar dizer-se que Cavaco Silva gosta de fazer o género marciano, mas depois do BPN, do BES e da PT convenço-mo que Plutão deve ser a outra residência de veraneio.

 

E repito: enquanto o Governo, numa deriva de mercado selvagem e de destruição criadora, expunha a PT acabando com a Golden Share, o PR medalhava Zeinal Bava. Tudo a uma só voz. Como é que é possível que Cavaco Silva venha agora interrogar-se acerca dos actos de accionistas e gestores?

 

A imagem seguinte é de Plutão ou foi mais uma obrigação da troika?

 

 

378010.jpg