Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Correntes

em busca do pensamento livre

Correntes

em busca do pensamento livre

crato ficará como um "science killer"?!

03.09.14

 

 

O texto de Carlos Fiolhais, hoje no Público, é bélico e destruidor para Nuno Crato.

 

O autor também confessa (fala em "fogo amigo", veja-se lá) o que já se sabia: é amigo de Crato e isso "obrigou-o" a um apoio inicial, nomeadamente nas políticas dirigidas ao não superior.

 

Fiolhais mudou de opinião, talvez condicionado pelos cortes a eito que Crato perpetrou no superior. Quando se sente na pele a injustiça, digamos assim, até se resvala para vocabulário que, nos outros, claro, seria exagerado. Talvez já nem Fiolhais consiga afirmar que Crato não está para além da troika e que não usou o empobrecimento para dar asas à sua ideologia. 

 

No parágrafo seguinte lemos o pico da coisa: Carlos Fiolhais considera justo que se diga que Crato ficará como um "science killer". Quem diria.

 

 

 

da consolidação e do que se seguirá

03.09.14

 

 

 

 

Entrámos no milénio e rapidamente percebemos que as contas derrapavam e que a grande corrupção se tinha consolidado. O discurso do país da tanga institucionalizou a malta-do-subpraime, o socratismo acentuou o desmiolo (mais após a bolha imobiliária) e o regresso da AD voltou a ser desastroso. É muito, mesmo para um país com tanta história.

 

A interrogação essencial repete-se: o que se seguirá?

 

 

 

 

 

Museu "A topografia do terror".

 

Berlim, Julho de 2014

 

Segue-se uma ampliação dos cartões.

 

 

 

 

Sou um optimista e não projecto algo semelhante para os tempos mais próximos.