Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Correntes

da pedagogia e em busca do pensamento livre

Correntes

da pedagogia e em busca do pensamento livre

três

23.08.11

 

 

 

 

É justo acusar a traquitana do MEC pelo excesso de má burocracia. Essa carruagem antiga precisa de fontes de energia e os professores não se cansam de colaborar. Não é só quando olham para cima para perguntarem com insistência pelo lado onde se coloca o selo branco, é também quando decidem criar instrumentos destinados a satisfazer o temor por uma fantasmagórica avaliação externa.

 

O estado descrito ficou patente na versão, a última, verão-outono da avaliatite de professores. Um dos artigos é taxativo: o relatório de auto-avaliação tem que ter três páginas. A sério que está escrito. É lamentável. Apesar de ser um atestado de incompetência para todos, não deixa de ser caricato ter de ser o MEC a proteger a saúde dos professores contra as malfeitorias dos pares.