Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Correntes

da pedagogia e em busca do pensamento livre

Correntes

da pedagogia e em busca do pensamento livre

quem acredita?

16.01.11

 

 

Quando os cidadãos não acreditam no que diz o primeiro representante do governo, a democracia tem um sério problema. É grave e não se deve esperar que o tempo opere milagres. Basta olhar para o que aconteceu na Itália na última década: a democracia e o país entraram em crise profunda e os eleitores teimaram em escolher o principal responsável. Não sei se sairão das trevas sem uma séria convulsão.

 

Sócrates diz que não falou de dívida com as autoridades do Qatar

ilegalidades diversas

16.01.11

 

 

É a acusação da Fenprof a uma cooperativa de ensino que detém uma série de escolas do ensino não superior. O grupo GPS, chefiado pelo ex-deputado socialista, António Jorge Calvete, é acusado, entre outras ilegalidades, de usar as seguintes práticas:

 

“muitos docentes de estabelecimentos de ensino particular estão a assinar ‘voluntariamente’ declarações em que aceitam que os seus salários sejam reduzidos”, situação que considera “inaceitável” face à “pressão e chantagem latentes que levam os docentes a assinar as declarações, sob ameaça implícita de desemprego”.

é de bradar

16.01.11

 

 

O ex-mísero professor (palavras dele) que exerce as funções de presidente da República, tira qualquer um do sério. No primeiro mês em que se efetivam os cortes salariais para os funcionários públicos, o senhor anda pela campanha eleitoral a afirmar que essas medidas são injustas e que não têm razão de ser. Digam lá se não se evidencia aquela chamada "esperteza algarvia" que pode levar ao seguinte raciocínio imobiliário: os votozinhos entram a 23 e os primeiros salários cortados dois dias antes.