Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Correntes

em busca do pensamento livre

Correntes

em busca do pensamento livre

à volta dos minaretes

06.12.09

 

 

 

 

No relatório de Jacques Delors, "A educação - um tesouro a descobrir", as questões do multiculturalismo e do relativismo cultural têm uma abordagem interessante e polémica.

Defende-se que o fenómeno do multiculturalismo contribuiu na europa para acentuar as bolsas de "ghetização" com todas as consequências conhecidas. Invoca-se como negativa a preservação a todo o custo das matrizes culturais de origem por parte das comunidades imigrantes que se iam "ghetizando", digamos assim.

O que se propõe é a ideia de interculturalidade, persuadindo as diversas comunidades, através da educação, para a "normalização" de costumes que assentem num valor primeiro: a liberdade entendida como impossibilidade de invasão no espaço de liberdade do outro. É também neste patamar de discussão que se coloca a questão dos "véus escolares", dos minaretes e até da "teoria da conspiração" que advoga a cobertura financeira do actual regime iraniano.

Estamos numa encruzilhada?

 

Claro que estamos. Mas só há uma solução: tolerância, muita persistência e uma corajosa e dura atitude de não desistência. A história não deve registar um qualquer caminho de luta pela liberdade que se tenha feito só com vitórias e sem vítimas brutais e injustiçadas. É assim a natureza humana e os tempos nunca mudam tão depressa: só o afastamento histórico nos permite perceber melhor as épocas que fomos vivemos. Antes como agora.

 

 

Discriminação contra muçulmanos está a aumentar na Europa

 

"O voto contra os minaretes na Suíça é só um sinal. Dos palcos políticos à Internet, por toda a Europa emergem manifestações de medo ou desconfiança em relação aos muçulmanos. Há indicações de que a discriminação está a aumentar, dizem especialistas ouvidos pelo PÚBLICO. (...)"

no último segundo

06.12.09

 

 

Ja manifestei o meu fascínio pelo basquetebol da NBA, por uma das suas equipas - Os Lakers de Los Angeles - e pelo seu melhor jogador - Kobe Bryant -.

 

Se procurar no blogue encontrará vídeos em que Kobe Bryant ou marca mais de oitenta pontos num jogo ou faz uma jogada do outro mundo. Pois fique a saber que este jogador fora-se-série também tem o hábito de decidir jogos no último segundo.

 

Ora confirme.