Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Correntes

em busca do pensamento livre

Correntes

em busca do pensamento livre

do corpo e do espírito

24.10.09

 

Foi daqui.

 

 

 

Discutiu-se com bastante propriedade mas sem conclusões evidentes os limites da responsabilidade pelas nefastas políticas educativas dos últimos quatro anos; ou seja, não se conhece com clareza onde começou e acabou a responsabilidade quer do primeiro-ministro quer da ministra da Educação e dos respectivos secretários de estado.

 

Fiquei com a impressão que na esfera da ministra da Educação assentaram as incompetências técnicas e na do primeiro-ministro as determinadas e obstinadas certezas políticas.

 

A ser assim, tenho uma primeira impressão de que o clima de guerra na Educação vai continuar mas agora com algumas alterações de pormenorOs elementos gramaticais, corpóreos portanto, das referidas políticas transferiram-se para o gabinete do primeiro-ministro e poder-se-ão alterar apenas uns detalhes em negociação obrigatória com o parlamento. Mas os elementos circunstanciais do exercício da política, e das suas finalidades, associados às exigências da sistemática executiva imporão um espírito de conflitualidade que também se ausentará da vontade da nova ministra da Educação.

 

Será, novamente, um governo "barricado" atrás de uma ministra? Mas desta vez com um sorriso em substituição de efeito "generala" que apenas tinha lugar no conforto da maioria absoluta? O país e o partido político que suporta o governo não perdoarão tamanha indelicadeza.