Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Correntes

em busca do pensamento livre

Correntes

em busca do pensamento livre

rss da educação (15)

19.03.09

 

(encontrei esta imagem aqui)

 

 

 

Governo aprova regime para docentes reformados que queiram ser voluntários 

 

Há tempos escrevi sobre este assunto o seguinte:

 

Fui recebendo emails atrás de emails com a notícia mas nem queria acreditar: só pode ser contra-informação, pensava eu. As informações diziam assim: o ministério da Educação prepara um despacho que regulará o exercício voluntário nas escolas dos professores reformados.

Afinal a notícia confirma-se. Parece que a proposta partiu de um grupo de professores reformados e um dos secretários de estado da Educação pegou na ideia. Enfim. Depois de tudo o que se passou, depois da própria ministra da Educação ter dito a propósito "sem rupturas não é possível mudar", depois das reformas com penalização de milhares de professores, é natural que já não exista o mais ténue laço de confiança entre as pessoas que momentaneamente governam o ministério da Educação e os professores portugueses. Portanto, uma coisa destas só pode dar lugar à chacota e à incompreensão generalizada.

 

Fica logo a sensação de ser uma decisão carregada de cinismo e de despudor.

 

Também espantosa é a paranóia centralista e regulamentadora: não é que o projecto de despacho define o número mínimo de horas do exercício voluntário e por aí adiante; e, claro, não podia faltar o relatório das actividades realizadas e a respectiva ficha de auto-avaliação. Sem emenda, esta "despachite" incontinente.

 

Pois agora acrescento uma pérola da nossa "administratite"; será nomeada uma comissão coordenadora do voluntariado em cada uma das direcções regionais. Ou esta gente não se enxerga ou ensandeceu de vez. Queriam uma prova mais cabal ainda da falta de confiança da administração nas escolas? Será que há ainda tanta gente que não percebeu que o mais verdadeiro é exactamente o contrário? Ou isto é mais aquela coisa da criação despudorada de lugares e da verdadeira atrofia na modernização da reforma administrativa? Gritemos pois pela simplificação e pela liberdade das escolas. Chega. Basta; parece-me que isto ainda vai acabar mal.

 

Ministra explica quarta-feira consequências da não entrega dos objectivos individuais

 

Mais um episódio na saga da excrescência.

 

rss da educação (14)

19.03.09

 

 

 

 

(encontrei esta imagem aqui)

 

Sindicatos de professores exigem "propostas concretas" do Governo sobre estatuto da carreira até ao fim do mês

 

 

Se me lembro bem até seria por essa altura que terminava o entendimento assinado no ano passado. Sei que o momento é outro, mas é sempre importante fazer umas incursões na memória para que se sublinhe uma coisa muito simples: os professores que se orgulham de o ser em Portugal e que não se envergonham do seu passado e tentam erguer quotidianamente a escola pública de qualidade para todos estão atentos, muito atentos e não desistem. E há vida para além disso tudo: é muito difícil mas há.

 

São já 10 as providências cautelares: 9 sobre ADD e 1 sobre concursos

 

E mais o que vem a seguir.