Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Correntes

em busca do pensamento livre

Correntes

em busca do pensamento livre

efeitos da boa repetição

03.12.07

 

Passei muitas horas a jogar basquetebol e sempre, ou quase sempre, claro, com um fascínio enorme. Adoro o jogo e faço jus à célebre frase da liga profissional americana (NBA): "I love this game". É claro que no presente, e considerando a idiossincrasia lusitana, fico-me pelo futebol na oportunidade semanal de realizar exercício físico através de um jogo colectivo.

Mas o que levou-me a escrever este post foi um vídeo que recebi e que merece a seguinte opinião: o treino dos gestos motores passa por duas fases que se priorizam mas que requerem, depois, simultaneidade: a informação sobre o que se sabe da eficiência biomecânica do movimento e a sua relação com a personalidade motora de cada indivíduo e a quantidade de repetições, com informação de retorno, se possível, sobre a qualidade da execução do gesto em causa; e não há volta a dar-lhe. Devo confessar que nunca engracei com a ideia de repetir até à exaustão, mas recordo-me bem dos momentos em que o gesto sai na perfeição e que todas as bolas lançadas encontram o caminho certo: na gíria, chama-se a isso estar com a "mão quente".

Imagine um jornalista televisivo a reportar em directo e que, de repente, percebe o desvio de atenção do seu operador de câmara para outras imagens. O que é que se passa? Ora clique, meu caro leitor, são menos de 30 segundos. Vale a pena.