Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Correntes

em busca do pensamento livre

Correntes

em busca do pensamento livre

o estado gasta, em 2012, mais dois mil milhões em despesas intermédias

21.11.13

 

 

 

 

 

A denúncia de Valdares Tavares, ontem na TVI, não é novidade, mas acentuou-se em 2012. «Quando se soma tudo aquilo que é comprado, bens, serviços, contratos, rendas, etc, dá uma verba que é praticamente igual à de pessoal», diz, questionando: «Como é que no ano de todos os sacrifícios, cortes de pensões, prestações sociais, etc, tivemos aqui esse aumento [dois mil milhões] tão grande». 


Já se sabe há muito que a despesa com os consumos intermédios do Estado equivale a cerca de 16% do PIB enquanto que a despesa com pessoal deve estar abaixo dos 9%. O Governo conseguiu ainda aumentar os consumos intermédios em 2 mil milhões em 2012. Seria expectável que essa despesa recuasse em cerca de 10% o que equivalia a cerca de 4 mil milhões (os tais 10% mais os 2 mil milhões da "derrapagem").

 

É impressionante, ou talvez não uma vez que os milhares de milhões têm de ir para algum lado, como os média silenciam uma notícia destas, mais uma verdade inconveniente, que está detalhada aqui com vídeo.

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.