Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Correntes

em busca do pensamento livre

Correntes

em busca do pensamento livre

cegueira mental

11.05.09

 

 

 

 

 

 

"Para Richard Borcherds, receber a visita de amigos é pura e simplesmente demasiado confuso. Enquanto as pessoas conversam, ele tem dificuldade em acompanhar o vaivém, o jogo de sorrisos e olhares, as subtilezas de insinuações e duplos sentidos, o mar de palavras... tudo a mover-se demasiado depressa.

É cego e surdo às jogadas e fintas do mundo social. Se, mais tarde, alguém se dá ao trabalho de lhe explicar o sentido de uma anedota ou por que razão um dos convidados saiu à pressa ou outro ficou subitamente corado de embaraço, consegue compreender. Mas, na altura em que acontece, toda aquela barafunda social lhe passa por cima da cabeça. Por isso, quando aparecem convidados, entretém-se as mais das vezes a ler um livro ou refugia-se no seu escritório.

E, no entanto, Borcherds é um génio, vencedor da Fields Medal, o equivalente em Matemática do Prémio Nobel. Os seus colegas matemáticos da Universidade de Cambrige têm por ele uma admiração sem reservas, e a maior parte mal consegue compreender os aspectos específicos das suas teorias, tão etéreas como a área de trabalho a que se dedica. A despeito das suas incapacidades sociais, Borcherds chegou ao êxito."

 

 

Daniel Goleman, Inteligência social, a nova ciência das relações humanas;

Círculo de Leitores; Lisboa 2006; tradução de Mário Dias Correia;

pág. 199

 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.