Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Correntes

em busca do pensamento livre

Correntes

em busca do pensamento livre

concurso interno e externo de professores para 2013/14

22.07.13

 

 

 

.
.
.
.
Como se previa, o concurso interno e externo para 2013/14 apresenta números caricatos que são consequência dos cortes a eito registados no sistema escolar. E o que mais cansa é ouvir os especialistas em "reformas do Estado" "ignorarem" permamentemente esta tragédia e passarem a vida a enunciar que os cortes na Educação estão por fazer. Apesar de 1147 professores terem conseguido mudar de escola, apenas 3 professores conseguiram vincular e agora espera-se pelo processo DACL numa atmosfera em que os sindicatos acusam o MEC de não estar a cumprir as actas da mesa negocial. Estas trapalhadas só merecem uma interrogação: Como?!

4 comentários

  • Sem imagem de perfil

    ana

    23.07.13

    Pedro,
    A perplexidade de muitos, a minha pelo menos, resulta do conhecimento com propriedade, de casos como estes:
    1 - Agrupamento com mais de 2200 alunos e nenhum professor do quadro do grupo de recrutamento 350 - Espanhol;
    2 - Agrupamento com mais de 2200 alunos e apenas um professor do quadro do grupo 400 - História;

    Ambas as vagas foram declaradas e solicitadas pela Direção, não tendo o MEC respeitado nenhum dos pedidos.
    O Agrupamento continuará com nenhum professor do quadro de Espanhol e um professor do quadro de História.
    É claro que os alunos não ficarão sem aulas destas disciplinas, como nunca ficaram no passado.
    É claro que terá de haver recurso a professores contratados destas disciplinas para satisfazer as necessidades deste Agrupamento.
    É claro que há má fé da parte do MEC neste e quiçá noutros casos, quando pretende suprir de forma precária e mais barata as necessidades permanentes do sistema.
    E é claro que só não fica boquiaberto com esta e outras constatações resultantes da subversão de que se revestiu este concurso nacional quem tiver a boca demasiado adesivada para poder abri-la.
  • Sem imagem de perfil

    pf

    23.07.13

    Apoiado
    A perplexidade `de disciplinas curriculares que desaparecem, como por exemplo Ed. Tecnológica 3ºciclo e que arrastam muitos colegas para a mobilidade, depois de muitos anos no quadro, pois a oferta de escola desaparece quando outros se reformam.
  • É um estado de sítio, realmente. E depois não querem que os professores repitam que foram os "escolhidos".
  • Comentar:

    CorretorEmoji

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.