Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Correntes

da pedagogia e em busca do pensamento livre

Correntes

da pedagogia e em busca do pensamento livre

do fmi e da prestação de contas

13.06.13

 

 

 

 

Mas não foi este Governo que se exibiu por ter "orientado" o inenarrável relatório FMI que determinava a execução de ainda mais cortes a eito no sistema escolar? Não foi este Governo que se exibiu por estar para além da troika, e do FMI, e por ter dado carta branca a esse incompreendido CEO, qual Steve Jobs de Campolide, que ia transportar o sistema escolar para o mundo moderno das metas e dos achamentos curriculares na rota de Singapura e da Coreia do Sul onde os disciplinados alunos são enquadrados em turmas de cinco dezenas?

 

E estão agora à "estalada" uns como os outros e apontam o dedo ao FMI? O que é feito do Borges, do Moedas, do Barroso, do Meteorologista, do derrubador de modelos-kafkianos e dessa plêiade de financeiros do outro mundo? Tinham tantas certezas e perante a tragédia não prestam contas?

6 comentários

Comentar post