Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Correntes

da pedagogia e em busca do pensamento livre

Correntes

da pedagogia e em busca do pensamento livre

é, no mínimo, inqualificável

06.05.13

 

 

 

 

 

 

 

Por mais que queiramos ser sensatos e justos e manter algum optimismo, os episódios que se sucedem na vida política nos últimos anos são, no mínimo, inqualificáveis. Isto pode mesmo acabar mal, como não me canso de repetir. Há milhões de pessoas que sofrem com tanto desvario e quando o país mais precisava de elevação política somos permanentemente confrontados com jogos palacianos e insuportáveis exercícios de vaidade.

 

Para além daquele exercício negocial em que as pessoas são usadas como armas de arremesso, há todo o espectáculo que é resumido na imagem que captei (não encontro o site e peço desculpa). Sócrates fala do que sabe, Capucho e Marcelo evidenciam a luta sem tréguas no PSD (e na coligação) e Portas, qual príncipe menor alimentado por PSD e PS, começa a convencer-se que o seu momento chegará e que o vale tudo se justifica (para espanto dos dois estruturantes do voto).

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.