Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Correntes

em busca do pensamento livre

Correntes

em busca do pensamento livre

das subidas

07.04.13

 

 

 

 

A crónica de ontem, na impressa do Público, de J. Pacheco Pereira é uma página que anda à volta do programa "Impulso jovem" e de Miguel Relvas.

 

Para o cronista, o ultimo acto púbico do ex-ministro é "(...)um retrato ao mesmo tempo ridículo e preocupante do estado actual da governação. O impulso jovem é um típico programa "jota", e tudo o que envolva a política para a juventude é sempre, nos governos PS e PSD, entregue aos caciques(...)".


O embaixador que Relvas escolheu no youtube é um exemplo de uma classificação que J. Pacheco Pereira inventou: descomplexado competitivo.


Este não é um problema novo, nem terminou com Miguel Relvas. Dá ideia que os ambientes "jotas" nos grandes partidos são terreno fértil para os populismos que acabam sempre por correr mal e que vão arrastando o país para o estado que se vai vendo.

 

Percebo a relevância que o cronista dá ao assunto, pois anda por estes domínios a causa maior que pode provocar o fim desta República, ou seja, com o euro, com estes partidos políticos e com esta constituição. Se a dívida pública continuar a aumentar e as rendas se mantiverem intocáveis (os orientais sabem bem onde e com quem investir, principalmente os de partido único) por obra das redes partidárias (os tais aparelhos), não haverá solução que não passe pelo fim da III República.

 

O cronista termina assim e dum modo que não nos cansamos de observar:

 

 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.