Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Correntes

em busca do pensamento livre

Correntes

em busca do pensamento livre

os escolhidos do costume

15.03.13

 

 

 

 

 

 

Parece que o ministro Gaspar está a anunciar o acordado com a troika e a comunicação social confirma o que ontem começou a circular: os professores portugueses são os escolhidos e ponto final. Serão mais 10 mil a juntar ao despedimento colectivo de 10 mil professores no último verão e aos milhares que têm sido empurrados para a reforma com penalizações humilhantes.

 

Nuno Crato, o sub-secretário das finanças, demitir-se-á, pois afirmou que tal nunca aconteceria ("nenhum professor do quadro irá para a mobilidade") e não se pode escudar na semântica da tragédia.

 

Mas não há mais nada para cortar na função pública e nas benesses ilimitadas? Nem sou adepto deste tipo de discurso que nos coloca uns contra os outros (como pretendem os últimos governos), mas isto vai para além dos limites.

 

Admiram-se que os professores usem a imagens impressionantes como a Estrela de David (desde 2008 que volta e meia inunda as redes sociais)? Não me surprenderá se os professores entrarem em greve por tempo indeterminado.

 

"Governo avança com 20 mil despedimentos", diz o Expresso. Que acrescenta: "Em nome da necessidade de correcção do desvio de 800 milhões de euros do défice, 20 mil funcionários públicos serão dispensados este ano. Metade dos quais, professores."



4 comentários

  • Isso não sei Maria. Dizem-me que onde isso aconteceu valeu a pena e que, e aqui que ninguém nos lê, não durava muitos dias. Bem sei que não somos muito dados ao risco e talvez por isso estejamos assim.

    Abraço.
  • Sem imagem de perfil

    maria

    15.03.13

    Tens razão. O medo acaba por nos tolher.
  • O medo é humano e até o medo do medo. Há que o espantar. Vou aprendendo que até o medo maior muda de sítio. Abraço também.
  • Comentar:

    CorretorEmoji

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.