Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Correntes

em busca do pensamento livre

Correntes

em busca do pensamento livre

dois modos

26.09.12

 

 

 

Há dois modos de reduzir custos no sistema escolar financiado pelo Estado: com os professores ou com os recursos de suporte da sala se aula.

 

A primeira opção é mais do agrado do mainstream e com efeitos de curto prazo (outros investigadores usam o termo vistas curtas, porque o desemprego é caríssimo e o financiamento das pensões de reforma tem limites) e tem as consequências a que temos assistido, nem sempre bem fundamentadas e muito menos estruturantes (nunca se sabe se os achamentos não obrigam a regressos civilizacionais que exigem a "importação" de pessoas porque os que formámos fugiram no âmbito da circulação do "mundo moderno" ou das reformas antecipadas).

 

A segunda opção só se aplica em sociedades onde a organização é um valor precioso, onde as classes médias são fortes e numerosas e impedem que a corrupção se alastre, onde o caciquismo não se generaliza, onde o clientelismo e o amiguismo não se sobrepõem à transparência e à competência e onde o pato-bravismo de diversa ordem não impera em organizações do Estado abandonadas aos ventos da chico-espertice-e-de-sei-lá-mais-o-quê.