Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Correntes

em busca do pensamento livre

Correntes

em busca do pensamento livre

desvaforecidos, até no futebol?

26.03.12

 

 

 

 

Gosto de jogar futebol, fui um efectivo jogador de rua, mas as bancadas dos estádios não me seduziram. Aquilo tem dois demasiados que não são meus: "electricidade" e especialistas fora de si.

 

Reservei um lugar nas bancadas dos recreios das escolas. Uma vez por ano ou coisa assim, observo, discretamente, os alunos que se dedicam ao esforço de superar um adversário com uma bola como interlocutora. Era, por norma, o reino dos desfavorecidos. Por passarem mais tempo na rua, os ases daquele futebol eram mais fortes, mais rápidos, mais resistentes e mais habilidosos. Era um regalo vê-los jogar.

 

Cada vez é menos assim. Os nossos desfavorecidos já não se distinguem. Começam cansados e tratam a bola com a inépcia de um desajeitado principiante. O futebol academizou-se de tal modo, que parece perder na competição com o virtual e com a fome.

4 comentários

Comentar post