Em busca do pensamento livre.
Segunda-feira, 13 de Fevereiro de 2012

 

 

 

Por insignificante que seja, uma alteração pode revelar tendências. É o que devemos retirar de um detalhe da proposta governativa de gestão escolar.

 

O princípio da eleição dos coordenadores de departamento, e mesmo das outras chefias intermédias, é um passo demonstrativo do que acabei de afirmar. Temos de ter esperança que, um dia, outras se seguirão. É a democracia que faz avançar as organizações e a sensatez, em regra, impõe-se.

 

É evidente que a epifania da eleição apenas se efectuar para três pessoas indicadas pela direcção tem substância risível que revela a tortuosidade que nos levou para a bancarrota.

 

Muito do eduquês, do justicês, do economês e por aí fora são ramificações dessa família. O medo, a desconfiança, a insegurança e o oportunismo constroem soluções dessa índole; juntas, conseguem registos incompetentes, atávicos e de má despesa.

 

Também não me surpreendeu uma contraproposta, com grau de parentesco com a do governo, do tipo "consensual": o departamento indica dois e a direcção outros dois. É a tortuosidade referida de novo em acção. A democratite, a democracia em forma de farsa, a ligar o complicómetro-despesista. Repare-se: o departamento elege dois, a que se somam mais dois para nova eleição. É. Na nossa democracia, o produto de dois mais dois também dá cinco; e vezes demais.



publicado por paulo prudêncio às 21:06 | link do post | comentar | partilhar

6 comentários:
De Fernando Carvalho a 13 de Fevereiro de 2012 às 21:20
Um triste fado o nosso, bem denunciado neste texto. Mas concordo que o sinal positivo evidencia-se como uma esperança para os professores dignos.


De paulo prudêncio a 13 de Fevereiro de 2012 às 22:16


De ramos silva pereira a 13 de Fevereiro de 2012 às 21:27
muito bom... bons sinais...


De paulo prudêncio a 13 de Fevereiro de 2012 às 22:16


De Isabel a 13 de Fevereiro de 2012 às 23:45
Quero acreditar que a qualquer momento isto muda tudo.
Este teu post está com imensa piada, contrariamente a estas propostas que são ridículas. A do 2+2 ainda mais ridícula que a do 3.
Bjo


De paulo prudêncio a 14 de Fevereiro de 2012 às 00:08
Bjo Isabel.


comentar post

Inauguração do blogue
25 de Abril de 2004
Autor:
Paulo Guilherme Trilho Prudêncio
Discordâncias:
Mais até por uma questão estética, este blogue discorda ortograficamente
arquivo
comentários recentes
Enfim. Isto chegou a um ponto tal que tudo pode, r...
falha 'conveniente' para quem não quer ser incomod...
São tempos muito diferentes. Também verifico isso,...
Há 10 anos atrás, a blogosfera e outras plataforma...
Ao que percebi, é também a dúvida do autor.
Cavalga; concordo.
subscrever feeds
mais sobre mim
Por precaução
https://www.createspace.com/5386516
ligações
blog participante - Educaá∆o - correntes .jpg
tags

antero

avaliação do desempenho

bancarrota

blogues

campanhas eleitorais

cartoon

circunstâncias pessoais

coisas tontas

concursos de professores

contributos

corrupção

crise da democracia

crise da europa

crise financeira

desenhos

direitos

economia

educação

escolas em luta

estatuto da carreira

falta de pachorra

filosofia

fotografia

gestão escolar

história

humor

ideias

literatura

luís afonso

movimentos independentes

música

paulo guinote

política

política educativa

professores contratados

público-privado

queda de crato

rede escolar

ultraliberais

vídeos

todas as tags

favoritos

bloco da precaução

pensar o sistema escolar ...

escolas sem oxigénio

e lembrei-me de kafka

as minhas calças brancas ...

as minhas calças brancas ...

reformas e remédios (1) -...

sua excelência e os númer...

posts mais comentados
Razões de uma candidatura
https://www.createspace.com/5387676