Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Correntes

da pedagogia e em busca do pensamento livre

Correntes

da pedagogia e em busca do pensamento livre

continua a commedia dell´arte

18.12.11

 

 

 

 

 

Depois do que se passou com os governos portugueses na primeira década do milénio, só faltava que a segunda se iniciasse com uma figura em registo de "marioneta" (sem qualquer desprimor para quem produz as verdadeiras) e com tiques que o remete para os anos cinquenta e sessenta do século anterior. 

 

O ensino superior privado serviu clientelas partidárias durante décadas e a formação de professores foi um exemplo maior. Por mais que se dissesse que a oferta era exagerada e que enganava os jovens, os bolsos financiados seguiam incólumes e assim continuam.

 

Para agudizar o desespero colectivo, um dos produtos do estado que nos empurrou para onde estamos aparece a propôr a emigração. A pior Commedia Dell´Arte continua pujante. 

 

Passos Coelho sugere a emigração a professores desempregados

2 comentários

  • Tens razão. Havia um dilema que atenua a decisão de alguns dos que deram o benefício da dúvida: a saturação completa com os governos de J. Sócrates. Pela minha parte, sempre fui claro: não esperava outra coisa da maioria que nos (des)governa. Contudo, tb não imaginava que se mentisse tanto em campanha eleitoral.
  • Comentar:

    CorretorMais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.