Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Correntes

da pedagogia e em busca do pensamento livre

Correntes

da pedagogia e em busca do pensamento livre

praga de objectivos individuais

28.04.08


 




Uma praga de objectivos individuais invadiu as ideias de avaliação de recursos humanos na administração pública portuguesa: a eito e sem limites. Bem sei que as pragas não se eternizam, mas podem deixar marcas profundas.

Já eram bem conhecidos os objectivos individuais na avaliação do desempenho dos professores.

Agora, diz-se que a ASAE também estipula objectivos anuais para os seus inspectores: duas detenções, 8 processos-crime, 61 coimas e 124 autos.

Até os inspectores da Polícia Judiciária vão ter um novo critério na avaliação do seu desempenho: o número de acusações propostas ao Ministério Público.

Modernice, moda passageira ou ensandecemos de vez?

Órgãos de gestão incompetentes, é o que é.

E outras coisas mais, claro, mas isso deve-se em muito à opinião publicada e ao famoso "bullshit".




 

2 comentários

Comentar post