Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Correntes

em busca do pensamento livre

Correntes

em busca do pensamento livre

osso

30.05.11

 

 

Não gosto de fazer posts sobre a violência nas escolas, mas não me passam ao lado os acontecimentos dos últimos dias. Há muito que se sabe que a ambição escolar da uma sociedade é decisiva para o sucesso escolar e que esse valor insuperável necessita de boas condições de vida; é assim e ponto final. Só depois, e numa fatia muito menor, é que entram as instalações escolares e o papel dos professores. É evidente que, por vezes e num ou noutro caso, um professor pode fazer a diferença.

 

Quando vemos manchetes de jornais com jovens presos ou com números da pobreza chocantes (2 em cada 5 crianças), mais se acentua o desprezo pelos pato-bravistas da parque escolar ou pelos trágicos perseguidores dos professores. Isto não é demagogia nem radicalismo esquerdista. É a dor de quem sente no osso o pulsar do quotidiano escolar.

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.