Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Correntes

da pedagogia e em busca do pensamento livre

Correntes

da pedagogia e em busca do pensamento livre

hoje, 83

15.04.11

 

 

Foi difícil comemorar 83 anos de idade. Os últimos tempos têm sido cobertos com lucidez, mas difíceis para erguer um corpo que se desacomoda com aceleradas quebras de energia. Há dias, muitos, que mais parecem o último e a despedida eterniza a mágoa.

 

Talvez não gostasse de me ler a falar disto, mas resguardo-me na certeza de que não passará por aqui nos tempos mais próximos. A vontade de contar ao leitor a minha alegria teve um impulso irresistível quando li Philip Roth. O único marido dela, e pai dos seus filhos, despediu-se de um modo que não a surpreendeu quando lhe dei a trágica notícia. O escritor norte-americano fala assim do assunto: "Suicidar-me seria idiota. Mas tive alguns amigos que o fizeram. Todos os que cometem suicídio têm uma escolha, que é sair disso, mas não conseguem."

 

Parabéns mãe.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.