Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Correntes

em busca do pensamento livre

Correntes

em busca do pensamento livre

injustiça e brutalidade

08.01.08
 

Ouvi um encenador e actor de teatro referir-se ao momento final como a "Grande Empresa da Morte". Foi a primeira vez que escutei tal expressão.

Lembro-me de ter pensado mais ou menos isto: a "Grande Empresa da Morte" é brutal, não olha a equidades nem a virtudes, apanha-nos sempre desprevenidos e actua quando menos se espera; tem uma tentacular máquina - de matérias, de sentimentos e de encenações - montada à sua volta; a "Grande Empresa da Morte" é implacável e invencível.

Dias depois recebo a trágica notícia: faleceu a minha querida amiga Maria da Purificação Nunes Santos Sebastião, uma pessoa muito superior.
Foi duro, muito duro. Passei por aqui e a única coisa que consegui teclar foi o título, brutalidade e injustiça, e um ponto final. Suspendi as publicações para os dias seguintes e partilhei com os familiares e amigos a mais profunda das dores.

A dor substituiu as palavras e restou-nos a lembrança de uma grande amizade significada em cada um dos dias.

Obrigado Purificação. Descansa em paz.




8 comentários

Comentar post