Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Correntes

da pedagogia e em busca do pensamento livre

Correntes

da pedagogia e em busca do pensamento livre

Se Sabe de Vírus

03.04.20
  A Microsoft, e Bill Gates, andou anos a fio pelos tribunais por ter plagiado o sistema operativo da Apple. Teve sempre muito bons advogados, foi pagando multas e indemnizações avultadas, e floresceu financeiramente com a geração do referido plágio: Windows. Nesta fase, em que se generalizam plataformas digitais por causa do "ensino à distância", a Microsoft volta a estar numa situação delicada porque, ao contrário da rival Apple, tem um sistema operativo de código aberto (...)

Interacções

02.04.20
Embora quem decide sobre orçamentos dos estados pretenda a redução no investimento em profissionais da educação, as lições Covid-19 concluem que está muito distante a substituição das aulas presenciais por fórmulas de "uberização" através de "ensino" à distância (ou sequer de IA) até como panaceia para a falta de professores. O que temos assistido é àquilo que até a alinhada OCDE concluiu: "Portugal é dos países onde os alunos e encarregados de educação têm a (...)

Da Escolha do Nome do Blogue

31.03.20
A escolha (2004) "Correntes" para nome do blogue revelou-se paradoxal: inspirei-me na democracia e no respeito pelas correntes da pedagogia, pela diversidade de opiniões e pela busca do pensamento livre, e uns anos depois vi as redes sociais inundadas por movimentos que não aprecio: correntes, cadeias, laços, mãos dadas e chamamentos diversos. Como estamos em mais uma fase de apelos ao sobrenatural, agravada com notícias falsas ou alarmistas em sites, blogues e plataformas digitais, (...)