Em busca do pensamento livre.

Quinta-feira, 25.05.17

 

 

 

 

 



publicado por paulo prudêncio às 09:27 | link do post | comentar | ver comentários (4) | partilhar

Domingo, 14.05.17

 

 

 

Ir ontem a Lisboa era um risco, mais ainda ao fim da tarde com destino à zona do Saldanha. Havia a incógnita da crise do aeroporto (em 75 anos de existência, foi a primeira falha no abastecimento de combustível; também só desde 2013 é que os privados o gerem) e notava-se nas áreas de serviço da autoestrada a deslocação da multidão da nossa senhora de Fátima para a nossa senhora da Luz. Estacionar de imediato no parque gratuito do cinema Monumental e ver o muito bom filme, "A cidade perdida em Z", de James Gray, foi uma opção acertada e de alguma forma adequada. O filme recorda, embora seja uma adaptação da não-ficção de David Grann, as sagas Indiana Jones de Steven Spielberg. Não se excede na aura épica e está muito bem realizado e interpretado. À saída, já aquela zona de Lisboa se inundava de ruído e cânticos ensurdecedores enquanto o jovem Salvador Sobral, um talentoso jazzista de forte convicção, representava, num tom muito mais audível, com êxito inédito o país no festival europeu da canção em Kiev (qual cidade perdida em Z).

 

 



publicado por paulo prudêncio às 11:32 | link do post | comentar | partilhar

Sexta-feira, 12.05.17

 

 

 

 

 



publicado por paulo prudêncio às 23:35 | link do post | comentar | partilhar

Domingo, 07.05.17

 

 

 

 

Michael Lauren All Stars estiveram ontem em grande plano na 20ª edição do mítico Festival de Jazz de Valado de Frades

 

 

 Pode saber mais aqui.

 

 

 



publicado por paulo prudêncio às 11:00 | link do post | comentar | partilhar

Segunda-feira, 24.04.17

 

 

 

 



publicado por paulo prudêncio às 10:13 | link do post | comentar | partilhar

Sexta-feira, 14.04.17

 

 

 

Gosto de rever museus. Não me importo quando uma viagem se resume a esses espaços, aos alojamentos e a curtos passeios. A revisão permite aprender mais e atenua a busca do tempo perdido. O acervo do Prado é o que se sabe, mas permitam-me que escolha o tríptico "The Garden of Earthly Delights" de Hieronymus Bosch (El Bosco em espanhol), que justificou uma sessão interessante no último Folio de Óbidos.

 

17353044_vlr8I

 

Bosh, Museu do Prado. (este vídeo ajuda)

 

internet permite saber muito mais. Basta googlar.

Contudo, a presença física continua insuperável.

 

1ª edição em 15 de Outubro de 2016



publicado por paulo prudêncio às 16:32 | link do post | comentar | ver comentários (5) | partilhar

 

 

 

 

 



publicado por paulo prudêncio às 10:12 | link do post | comentar | partilhar

Quinta-feira, 13.04.17

 

 

 

 

 

Sugerido por António Ferreira.



publicado por paulo prudêncio às 18:43 | link do post | comentar | partilhar

Quarta-feira, 12.04.17

 

 

 

 



publicado por paulo prudêncio às 17:26 | link do post | comentar | ver comentários (5) | partilhar

Terça-feira, 11.04.17

 

 

 

 

 

 



publicado por paulo prudêncio às 10:10 | link do post | comentar | partilhar

Domingo, 09.04.17

 

 

 

 

 



publicado por paulo prudêncio às 19:14 | link do post | comentar | partilhar

Sábado, 08.04.17

 

 

 

 

 



publicado por paulo prudêncio às 10:18 | link do post | comentar | ver comentários (2) | partilhar

Terça-feira, 04.04.17

 

 

 

 

 



publicado por paulo prudêncio às 09:57 | link do post | comentar | partilhar

Terça-feira, 21.03.17

 

 

 

Da obra prima de Yasujiro Ozu.

"Um velho casal resolve ir a Tóquio visitar os filhos. É o pretexto que serve a Ozu para voltar magistralmente aos seus temas: o confronto entre o “velho” e o “novo” Japão, as relações familiares, o envelhecimento, a decepção e a resignação. No melhor estilo de Ozu, a duração dos planos acompanha os ditos e os não ditos (uns e outros sublimes) das personagens."

 

Tokyo Story: Official Trailer.

 

 

Versão completa.

 

 



publicado por paulo prudêncio às 10:18 | link do post | comentar | partilhar

Segunda-feira, 20.03.17

 

 

 

Direitos Fundamentais da Criança e Educação Inclusiva: conferência de Laborinho Lúcio na Assembleia da República.

 

 



publicado por paulo prudêncio às 14:57 | link do post | comentar | partilhar

Segunda-feira, 13.03.17

 

 

"Neruda" foi muito bem realizado por Pablo Larraín. Das duas grandes dimensões de Pablo Neruda, o filme escolhe a poética sem desvalorizar a política.

 

 



publicado por paulo prudêncio às 09:53 | link do post | comentar | partilhar

Sexta-feira, 03.03.17

 

 

 

Eu, Daniel Blake.

 

 

 



publicado por paulo prudêncio às 20:32 | link do post | comentar | ver comentários (2) | partilhar

Quarta-feira, 01.03.17

 

 

 

Espero que sejam infundados os paralelismos que vou lendo a propósito das semelhanças do que existe com o que antecedeu a segunda-guerra; nomeadamente na Alemanha. "Stefan Zweig - Adeus, Europa", de Maria Shrader, é um bom filme, realizado por actos, que nos narra os últimos anos de vida do escritor judeu Stefan Zweig. É uma obra comovente. Não a deve ver, se me permite, sem um conhecimento sumário do argumento. Fica a sinopse do Público e o official trailer.

 

"Nascido em Viena (Áustria), a 28 de Novembro de 1881, numa abastada família judaica, Stefan Zweig era, nos anos 1920 e 30, um dos mais populares autores europeus. Escreveu sobre a vida e obra de muitos escritores – Dickens, Tolstói, Dostoiévski, Hölderlin, Nietzsche, Balzac, Stendhal, entre outros –, mas também se interessou por figuras históricas como Maria Stuart, rainha da Escócia, ou o navegador português Fernão de Magalhães. Quando, em 1933, Hitler chega ao poder na Alemanha, a influência dos nazis rapidamente se faz sentir na Áustria. Em Fevereiro de 1934, a polícia faz buscas em casa de Zweig. A circunstância persuade o escritor a partir para Londres com Lotte Altmann, a mulher. Quando rebenta a II Grande Guerra e os nazis invadem França, o casal deixa definitivamente a Europa e parte para os EUA. Em 1941, mudam novamente de país, desta vez para o Brasil, instalando-se em Petrópolis, Rio de Janeiro. A 23 de Fevereiro de 1942, deprimido com o crescimento da intolerância e do autoritarismo na Europa e sem qualquer esperança no futuro da Humanidade, Stefan Zweig despede-se com estas palavras: "Envio saudações a todos os meus amigos: que eles possam viver para ver a aurora após esta longa noite. Eu, que sou demasiado impaciente, vou à frente". Zweig e Lotte foram encontrados mortos na tarde do dia seguinte, deitados lado a lado. Tinham ingerido uma dose fatal de barbitúricos. A notícia do suicídio de ambos chocou o mundo.
Parcialmente rodado em Portugal, um "biopic" realizado por Maria Schrader ("Liebesleben"), segundo um argumento seu e de Jan Schomburg. Josef Hader, Aenne Schwarz, Tómas Lemarquis e Barbara Sukowa dão vida aos personagens."

 

 



publicado por paulo prudêncio às 14:52 | link do post | comentar | ver comentários (2) | partilhar

Segunda-feira, 27.02.17

 

 

 

O filme, "Toni Erdmann", de Maren Ade (dirigiu e escreveu esta comédia dramática austro-alemã) é de 2016 e não sei se foi candidato a qualquer óscar; se não foi, merecia (fui pesquisar e encontrei o seguinte: "num ano normal era o grande candidato; mas 2017 não é um ano normal"). É um filme com 2h45, mas nem se dá pelo tempo. Toni Erdmann é um professor desprendido e pouco ligado à família. Reforma-se e vai saber da vida de uma filha que é uma competente executiva. O official trailer diz o necessário.

 

 

 



publicado por paulo prudêncio às 20:30 | link do post | comentar | ver comentários (2) | partilhar

Quarta-feira, 01.02.17

 

 

 

Os "Resistência" vão estar em Paris numa das salas que foi alvo de acções terroristas. Devem tocar um dos temas com letra mais interessante. Ouvio-o de manhã numa rádio e guardei-o na memória para o resto do dia.

 

 



publicado por paulo prudêncio às 13:55 | link do post | comentar | partilhar


Inauguração do blogue
25 de Abril de 2004
Autor:
Paulo Guilherme Trilho Prudêncio
Discordâncias:
Mais até por uma questão estética, este blogue discorda ortograficamente
arquivo
comentários recentes
Inadmissível. Nunca mais o cumprimentava!
Ontem ouvi o ministro das finanças a falar do assu...
E também de muito défice de atenção (ao problema).
Julgo que será por causa do défice; claro que será...
ligações
posts mais comentados
tags

antero

avaliação do desempenho

bancarrota

blogues

campanhas eleitorais

cartoon

circunstâncias pessoais

coisas tontas

concursos de professores

contributos

corrupção

crise da democracia

crise da europa

crise financeira

desenhos

direitos

economia

educação

efemérides

escolas em luta

estatuto da carreira

falta de pachorra

filosofia

fotografia

gestão escolar

história

humor

ideias

literatura

movimentos independentes

música

paulo guinote

política

política educativa

professores contratados

público-privado

queda de crato

rede escolar

ultraliberais

vídeos

todas as tags

favoritos

bloco da precaução

pensar o sistema escolar ...

escolas sem oxigénio

e lembrei-me de kafka

as minhas calças brancas ...

as minhas calças brancas ...

reformas e remédios (1) -...

sua excelência e os númer...

subscrever feeds
blog participante - Educaá∆o - correntes .jpg
Por precaução
https://www.createspace.com/5386516
mais sobre mim
Razões de uma candidatura
https://www.createspace.com/5387676