Em busca do pensamento livre.

Quarta-feira, 02.08.17

 

 

 

 

 

9º Festival ao Largo

27 de Julho de 2017

Companhia Nacional de Bailado

Minus 16 de Ohad Naharin

 

Como ainda não há vídeo,

fica um original



publicado por paulo prudêncio às 10:17 | link do post | comentar | partilhar

Domingo, 02.07.17

 

 

 

 

 

"Paterson" (trailer no fim) é o último, e imperdível, filme de Jim Jarmusch. Tem como intérpretes principais Adam Driver, Golshifteh Farahani e Helen-Jean Arthur. Para Pedro Mexia, no Expresso, é "uma investigação sobre o equilíbrio entre a felicidade e a banalidade". É muito interessante para quem acabou de ler "O leitor do comboio" de Jean-Paul Didierlaurent. A sinopse do Público diz:

"Paterson é um motorista de autocarro na cidade de Paterson, em Nova Jérsia (EUA). A sua rotina diária é sempre igual: acorda exactamente à mesma hora, vai trabalhar, regressa para os braços de Laura, a namorada, passeia Marvin, o cão, bebe uma única cerveja no bar de um amigo e escreve poesia, não necessariamente por esta ordem. A sua vida é tranquila e a sua existência discreta. Paterson está apaixonado por Laura e ela por ele. Ele apoia os sonhos e projectos mais arrojados da namorada; ela incentiva-o e inspira-o na escrita dos seus poemas. É assim todos os dias."

Em "Síndrome" (vídeo no início), o último bailado de Olga Roriz, também imperdível, as pessoas estão todas perdidas. Não se trata da continuação do apartamento da guerra em Alepo (o anterior bailado da coreógrafa, "Antes que matem os elefantes"), mas é impossível não ver ligações. O tempo o dirá. "Síndrome é uma miragem. O lugar está lá antes de tudo mas não existe.(...)"

 

 



publicado por paulo prudêncio às 16:52 | link do post | comentar | partilhar

Sexta-feira, 14.04.17

 

 

 

 

 



publicado por paulo prudêncio às 10:12 | link do post | comentar | partilhar

Terça-feira, 11.04.17

 

 

 

 

 

 



publicado por paulo prudêncio às 10:10 | link do post | comentar | partilhar

Domingo, 09.04.17

 

 

 

 

 



publicado por paulo prudêncio às 19:14 | link do post | comentar | partilhar

Sábado, 08.04.17

 

 

 

 

 



publicado por paulo prudêncio às 10:18 | link do post | comentar | ver comentários (2) | partilhar

Sábado, 24.12.16

 

 

 

Gosto de bailado. Tenho saudades da companhia de dança da Fundação Gulbenkian. Algumas coreografias foram inesquecíveis.



publicado por paulo prudêncio às 14:00 | link do post | comentar | partilhar

Terça-feira, 29.12.15

 

 

 

 

 

Gosto muito de bailado. Tenho saudades da companhia de dança da Fundação Gulbenkian. Algumas coreografias foram inesquecíveis e mereceram ser notícia.

 

E lembrei-me disso quando questionei há pouco os critérios jornalísticos que levaram a que esta outra coreografia fosse notícia. Que raio de coisa, realmente.



publicado por paulo prudêncio às 13:20 | link do post | comentar | ver comentários (10) | partilhar

Sexta-feira, 13.11.15

 

 

 

 

 

 



publicado por paulo prudêncio às 18:23 | link do post | comentar | partilhar

Segunda-feira, 24.08.15

 

 

 

 

 

 

À espera do início de mais uma "performance" do Festival de Dança de Viena, ImpulsTanz Peformance 2015.

 

18725943_iqkWQ.jpeg

 

Imagens da performance de Keith Hennessy (USA).

 

IMG_2166.JPG

IMG_2168.JPG

IMG_2169.JPG



publicado por paulo prudêncio às 15:03 | link do post | comentar | partilhar

Domingo, 08.02.15

 

 

 

 

Há quem diga que a saudade é um sentimento lusitano, mas qualquer pessoa que frequentasse as temporadas de dança da Fundação Calouste Gulbenkian estaria decerto saudosa da companhia.

 

O triste encerramento já tem uns anos e deixou um vazio. A oportunidade de ver, em Portugal, coreografias do enorme israelita Ohad Naharin, por exemplo, perdeu-se. Fui à procura da sua pegada e recomendo um vídeo curto de 2013.

 

 

 

 

 

 

 

 



publicado por paulo prudêncio às 09:27 | link do post | comentar | partilhar

Sábado, 11.05.13

 

 

 

 

A dança como denúncia da inoperância política: o exemplo do bailado "A mesa verde de Kurt Jooss"

 

 

 

 



publicado por paulo prudêncio às 09:42 | link do post | comentar | partilhar

Segunda-feira, 04.03.13

 

 

 

 

 



publicado por paulo prudêncio às 09:31 | link do post | comentar | partilhar

Terça-feira, 20.11.12

 

 

 



publicado por paulo prudêncio às 09:30 | link do post | comentar | partilhar

Sábado, 20.10.12

 

 



publicado por paulo prudêncio às 09:32 | link do post | comentar | partilhar

Quinta-feira, 17.11.11

 

 

 

Encontrei no facebook da Dulce Nunes.


publicado por paulo prudêncio às 20:19 | link do post | comentar | ver comentários (1) | partilhar

Segunda-feira, 17.10.11
Cortesia da Isabel Silva.


publicado por paulo prudêncio às 09:23 | link do post | comentar | ver comentários (1) | partilhar

Quinta-feira, 24.03.11

 

 

 

 

 

 

Cortesia da Dulce Nunes.

 

 



publicado por paulo prudêncio às 09:45 | link do post | comentar | partilhar

Sábado, 23.10.10

 

 

 

 

Perdi, e tive pena, o filme "A dança - le ballet de l´opera de paris" na última segunda-feira no CCC das Caldas da Rainha. Frederick Wiseman mostra o quotidiano da exigente escola de dança parisiense.

 

Um amigo de longa data contou-me um detalhe delicioso do filme. Em 2007 (em período mesmo pré-pré-hecatombe financeira), uns americanos contactaram a direcção da Opéra National de Paris para um percurso cultural pela cidade que incluía a dança. Entre muitas peripécias, escolhia-se o menu para os jantares dos excursionistas americanos. E a coisa não ficava por menos: lagosta era uma das constantes. Surpresos, os franceses lá questionaram quem eram os tais americanos endinheirados. Nada mais, nada menos, do que assalariados da famosa Lehman Brothers, a empresa que faliu e que foi uma das mais activas na fraude incomensurável que abalou o mundo ocidental e que atestou os piores receios de Joseph Stiglitz, por exemplo.

 

O meu amigo sentiu-se como o homem da bifana que o Antero tão bem retratou.

 

 



publicado por paulo prudêncio às 18:20 | link do post | comentar | ver comentários (4) | partilhar

Sexta-feira, 16.07.10

 

 

A simbiose entre o tango e o mundial futebol era um alibi perfeito para o bloco central ter dias descansados. O tempo passou, o mundial passou à história e o tango parece que não se volta a dançar. Se tem dúvidas da boa combinação entre as duas actividades, veja o vídeo (1 minuto e pouco) que se segue (contributo de Idalino Moura) e tire as suas conclusões.

 



publicado por paulo prudêncio às 21:15 | link do post | comentar | partilhar


Inauguração do blogue
25 de Abril de 2004
Autor:
Paulo Guilherme Trilho Prudêncio
Discordâncias:
Mais até por uma questão estética, este blogue discorda ortograficamente
arquivo
comentários recentes
Veremos se será apenas um intervalo doloroso. A co...
Após 2 mandatos de um presidente negro simpático,...
Ah, sim. Concordo.
Não tem essa noção. Não vai remediar nada e não se...
Um filme belíssimo. Não será tanto assim. Gosto de...
subscrever feeds
mais sobre mim
Por precaução
https://www.createspace.com/5386516
ligações
blog participante - Educaá∆o - correntes .jpg
tags

antero

avaliação do desempenho

bancarrota

blogues

campanhas eleitorais

cartoon

circunstâncias pessoais

coisas tontas

concursos de professores

contributos

corrupção

crise da democracia

crise da europa

crise financeira

desenhos

direitos

economia

educação

efemérides

escolas em luta

estatuto da carreira

falta de pachorra

filosofia

fotografia

gestão escolar

história

humor

ideias

literatura

movimentos independentes

música

paulo guinote

política

política educativa

professores contratados

público-privado

queda de crato

rede escolar

ultraliberais

vídeos

todas as tags

favoritos

bloco da precaução

pensar o sistema escolar ...

escolas sem oxigénio

e lembrei-me de kafka

as minhas calças brancas ...

as minhas calças brancas ...

reformas e remédios (1) -...

sua excelência e os númer...

posts mais comentados
Razões de uma candidatura
https://www.createspace.com/5387676