Em busca do pensamento livre.

Sábado, 04.02.17

 

 

Nos últimos anos, as aposentações de professores mudaram de significado: passaram do júbilo à fuga, com excepções como em todas as regras. Ontem assisti à homenagem institucional à minha amiga Isabel Maria Sousa e Silva. Foi um júbilo em modo de fuga. Costumava brincar com ela por causa dos sucessivos adiamentos da idade para a reforma que a apanhavam sempre "à beira de". O mais significativo está no seu testemunho no facebook (a foto veio do mesmo sítio):

"Não tenho palavras para descrever tanta emoção junta. Quando o nosso trabalho é reconhecido, é muito gratificante. Foi muito especial esta homenagem da Câmara Municipal e foi muito difícil controlar as emoções, sobretudo quando fui presenteada com os abraços e lágrimas de um grupo de ex-alunos. Obrigada David, Rita, Leonor, Carolina, Madalena e Zé Pedro. Adoro-vos. Depois, ter a presença do meu pai e da minha filha e de uma quantidade de colegas e amigos.....Sem palavras. Deveras emocionada. Obrigada a todos pelo carinho e amizade."

 

16406751_10209674044386147_5396956500301094249_n

 



publicado por paulo prudêncio às 13:38 | link do post | comentar | ver comentários (4) | partilhar

Terça-feira, 06.09.16

 

 

 

Três colegas escolares da adolescência são inesquecíveis pela queda para as artes. Um publica fotografias nas redes sociais. O Luís Moreira (everything i see, through my iphone) permite que use as fotos por aqui. Ainda estou a pensar no modo. Uma fotografia num post, com ou sem texto, é a solução que mais me agrada. Mais logo publicarei o primeiro. Este requer uma imagem com viagem no tempo.

 

 

Captura de Tela 2016-09-06 às 15.54.30 Fotografia de Luís Moreira



publicado por paulo prudêncio às 15:50 | link do post | comentar | partilhar

Terça-feira, 29.03.16

 

 

 

1976

 

1976.jpg

 

 

2016

 

20161.jpg

 

 

20162.jpg

 

 

 

 

 

 



publicado por paulo prudêncio às 09:36 | link do post | comentar | ver comentários (4) | partilhar

Terça-feira, 08.03.16

 

 

 

 

"08/03/08 - Memórias da grande marcha dos professores" é o título do último livro do Paulo Guinote que li com emoção. Por mais racional que se queira ser na análise de uma obra de inegável importância histórica, é impossível escapar às constantes viagens a um tempo que deixou marcas muito negativas na atmosfera relacional e organizacional das escolas públicas e que levará anos a ultrapassar. Olhando a esta distância, mais se eleva a capacidade de um grupo profissional para resistir a uma confessada guerra em nome das denominadas "Novas Políticas de Gestão Pública" que rapidamente se transformaram, como aconteceu com a tragédia da France Telecom, numa espécie de totalitarismo por via administrativa.

 

Como se imagina, transcrever as passagens mais significativas é uma impossibilidade. Todavia, o Paulo Guinote (2016:61) diz assim: "(...)Em defesa dos professores, durante muito tempo, as vozes seriam escassas e poucos eram os que ousavam sair do alinhamento definido na 5 de Outubro e São Bento; José Gil e Manuel António Pina eram duas notáveis excepções:(...)"

 

E quase a terminar, o Paulo Guinote (2016:321) conclui: "(...)Ao contrário dos que temeram que a abertura da discussão e do debate acentuasse divisões na classe docente, a realidade demonstrou que é mais eficaz a mobilização de um grupo profissional informado, esclarecido e seguro das suas opções do que uma massa acrítica e informada de forma enviesada. A transparência e o rigor são armas mais eficazes para a mobilização do que a névoa e o facciosismo.(...)"

 

O Paulo Guinote (2016:43) inclui o seguinte post do Correntes"Professores a caminho - Caldas da Rainha, 6 de Março de 2008".

 

19334902_2YzOV.jpeg



publicado por paulo prudêncio às 09:54 | link do post | comentar | ver comentários (2) | partilhar

Domingo, 06.03.16

 

 

 

 

Numa sexta-feira às 21h00, e a abrir um ciclo de conferências integrado na formação contínua da congeladíssima carreira dos professores e abrangido por um modelo de avaliação do desempenho que faz tudo menos o que transporta no nome, é reconfortante encontrar um auditório quase cheio e que se aguentou até perto das 24h00. Foi muito agradável ser convidado por pares e ter o Paulo Guinote também como conferencista. O assunto, "O papel da comunicação na valorização da profissionalidade docente", tem variados ângulos de análise e é muito interessante. As abordagens centraram-se numa breve caracterização do tempo que vivemos, no conceito de comunicação dirigido para o fenómeno da blogosfera e na relação com os fundamentos da profissionalidade docente. As imagens são do Nicolau Borges, director do CFAE-Oeste.

 

 

960_1288024731224405_1026090509430512323_n.jpg

 

 

 

12821585_1288024857891059_7006037722118349332_n.jp

 

 

 

12802952_1288025494557662_8549455113930497075_n.jp

 

 

 

 



publicado por paulo prudêncio às 14:51 | link do post | comentar | partilhar

Sexta-feira, 04.03.16

 

 

 

Captura de Tela 2016-03-03 às 17.28.44.png

 



publicado por paulo prudêncio às 11:30 | link do post | comentar | partilhar

Segunda-feira, 15.02.16

 

 

 

Dá ideia que o post mais abaixo do Paulo Guinote lançou uma reflexão sobre o estado da blogosfera docente e outros bloggers têm dado a sua opinião. Agradeço mesmo todas as referências ao papel do Correntes. Os interessados podem consultar as ligações seguintes:

 

AnabelaMagalhães - Blogosfera Do(c)ente? Orgulho e lamento

BravioEspécie de carta aberta aos bloguistas da Educação

ComRegras - Blogosfera para que te quero



publicado por paulo prudêncio às 20:23 | link do post | comentar | partilhar

Sábado, 13.02.16

 

 

 

Blogosfera Do(c)ente?

 

 

 

Gostei de ler a referência ao Correntes. O novo blogue do Paulo Guinote não é a continuidade da "Educação do meu umbigo", mas já entrou no registo que exige a visita diária e ainda bem.



publicado por paulo prudêncio às 21:20 | link do post | comentar | partilhar

Quarta-feira, 30.12.15

 

 

 

 

15892400_SLdTc.jpeg

 

 

Gosto de ter um blogue e existem possibilidades relacionais com as redes sociais que doutro modo seriam improváveis. Uso esta forma, o email, para desejar as boas festas a familiares, amigos de sempre ou mais recentes, reais ou virtuais e também a quem passe pelo blogue, twitter ou facebook. Se o leitor não está com pressa, e mesmo que não nos conheçamos, vá até ao fim que a edição é dedicada a quem anda no mundo com boa vontade.

 

A actualidade assumiu a voracidade da simplificação, a atmosfera relacional tem contorno diferentes, mas as emoções resistem às tendências e ligam as pessoas aos sentimentos de amizade e respeito pelo próximo.

 

Percorri o ano.

 

Em termos de saúde, que é afinal o mais importante, as notícias foram positivas.

 

Em termos profissionais, e pensando no mote principal do blogue, mantém-se inabalável a defesa constitucional da escola pública como instrumento da igualdade de oportunidades. As perplexidades derivadas da invasão de práticas neoliberais merecem dois comportamentos: firmeza e paciência.

 

Escolho um vídeo que o meu pai gostasse de ouvir. Sou adepto da esperança e "Hope of deliverance", do ex-Beatle Paul McCartney, cumpre a opção.

 

Boas festas e aquele 2016.

 

 



publicado por paulo prudêncio às 20:54 | link do post | comentar | ver comentários (8) | partilhar

Sábado, 03.10.15

 

 

 

 

Um amigo de infância e adolescência enviou-me esta fotografia. É mais uma boa memória. Reconheço todos, estou ali no meio (de blusão) e quem me enviou a foto está à minha esquerda.

 

12083871_10206843455381388_406623950_n.jpg

 



publicado por paulo prudêncio às 17:10 | link do post | comentar | ver comentários (2) | partilhar

Segunda-feira, 13.04.15

 

 

 

Captura de Tela 2015-04-13 às 19.19.02.png

 

 

Muito boa entrevista.

 

"(...)Numa entrevista que deu recentemente pareceu estar desiludido, cansado... 

É uma mistura de tudo. Houve uma altura em que se sentiu que talvez fosse possível mudar a forma como se discutia a educação. Passado um punhado de anos, percebi que é como a história do pântano: há umas ondas e depois começa a acalmar, até que olhamos à volta e estamos iguais ao que estávamos há dez anos. Eu era mais um que andava aqui no meio.(...)"



publicado por paulo prudêncio às 20:54 | link do post | comentar | ver comentários (2) | partilhar

Terça-feira, 07.04.15

 

 

 

ponteromana.JPG

 

Chaves. Março de 2015. Fotografia tirada numa margem do rio Tâmega enquanto degustava um inigualável presunto (pode também perguntar pelo caminho para S. Lourenço e, encontrado o destino, entrar no Solar do Presunto do lado esquerdo no sentido de Valpaços) e que se pode observar na imagem abaixo.

18218279_gBaJz.jpeg

 

Este post será também o dia 3 do desafio proposto pelo Paulo Guinote no facebook: colocar uma paisagem por dia, durante 3 dias e, por cada uma, desafiar 3 amigos.

 



publicado por paulo prudêncio às 17:19 | link do post | comentar | partilhar

Segunda-feira, 06.04.15

 

 

 

 

18219509_JsmB9.jpeg

 

Vila Nova de Gaia. Abril de 2015. Fotografia tirada numa esplanada na ribeira do Porto e numa sexta-feira santa. Como degustava a francesinha que pode ver na imagem abaixo (com um não convencional sumo de laranja no molho com um resultado óptimo), aproveitei as vantagens tecnológicas, paguei o IMI e um IUC e aqui estou.

 

18219892_MC2Mz.jpeg

 

Este post será também o dia 2 do desafio proposto pelo Paulo Guinote no facebook: colocar uma paisagem por dia, durante 3 dias e, por cada uma, desafiar 3 amigos. 



publicado por paulo prudêncio às 09:57 | link do post | comentar | ver comentários (9) | partilhar

Sábado, 04.04.15

 

 

 

 

 

boticas.JPG

 

 

Boticas. Trás-os-Montes. Março de 2015. Fotografia tirada do 1º andar do Centro de Artes Nadir Afonso. Estava sentado dentro do bloco que se vê na imagem abaixo. Num autêntico dia de verão, à visita seguiram-se uns inesquecíveis pregos no pão com carne barrosã.

 

cartena.jpg

 

Este post será também o dia 1 do desafio proposto pelo Paulo Guinote no facebook: colocar uma paisagem por dia, durante 3 dias e, por cada uma, desafiar 3 amigos. 



publicado por paulo prudêncio às 11:55 | link do post | comentar | ver comentários (5) | partilhar

Sexta-feira, 27.03.15

 

 

 

Quem quiser conhecer a História da Educação no que levamos de milénio terá de passar horas sem fim à volta do blogue do Enorme Paulo Guinote.

 

Sou seu amigo e respeito a decisão. Como é costume, deixei vários posts temporizados para estes dias e só interrompi o descanso porque o Umbigo é o que se sabe.

 

Voltarei ao assunto com mais tempo, mas se alguém se dedicar a estudar o que aconteceu à vidinha deste género de bloggers perceberá os tiques da crise da democracia que estamos a construir. Até já Grande Che (e desculpa as inconfidências).

 

 

image.jpg

 



publicado por paulo prudêncio às 21:09 | link do post | comentar | ver comentários (2) | partilhar

Domingo, 11.01.15

 

 

 

 

 

image.png

 



publicado por paulo prudêncio às 13:31 | link do post | comentar | partilhar

Segunda-feira, 13.10.14

 

 

 

 

Como cedo se começou a perceber, a dificuldade deste MEC em lidar com fenómenos numéricos e concursos públicos não se remeteu ao erro na fórmula.

 

O Nuno Rolo enviou-me uma tabela, acompanhada das resspectivas explicações, com colocações duplicadas na última reserva de recrutamento (RR3). São colocações em escolas que não são TEIP nem têm contrato de autonomia.

 

rr1.png

rr2.png

rr3.png

rr4.png

rr5.png

rr6.png

 

 

 



publicado por paulo prudêncio às 10:31 | link do post | comentar | partilhar

Quarta-feira, 01.10.14

 

 

 

10715683_541858515960115_32765477_n.jpg

 

 

 

 

 

 

 



publicado por paulo prudêncio às 09:30 | link do post | comentar | partilhar

Segunda-feira, 22.09.14

 

 

 

 

Do grupo que há pouco mais de dois anos esteve pela Bairrada, faltam o Nuno e o Abel do Ad Duo (encerrado), o Nuno Domingues do Educar a Educação (hibernado) e o Fafe que edita no blogue do Paulo Guinote.

 

A edição do DN de hoje inclui a peça seguinte da autoria da jornalista Patrícia Jesus a quem agradeço a atenção.

 

 

 

 

 

 

 

 Diário de Notícias, 22 de Setembro de 2014.

 

 

A blogosfera dos professores é feita, naturalmente, de muitos outros blogues e de todos os que ajudam a manter a chama.

 

 

 



publicado por paulo prudêncio às 19:42 | link do post | comentar | ver comentários (16) | partilhar

 

 

 

O quarteto que dá voz aos professores na internet

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 



publicado por paulo prudêncio às 10:30 | link do post | comentar | ver comentários (4) | partilhar


Inauguração do blogue
25 de Abril de 2004
Autor:
Paulo Guilherme Trilho Prudêncio
Discordâncias:
Mais até por uma questão estética, este blogue discorda ortograficamente
arquivo
comentários recentes
Inadmissível. Nunca mais o cumprimentava!
Ontem ouvi o ministro das finanças a falar do assu...
E também de muito défice de atenção (ao problema).
Julgo que será por causa do défice; claro que será...
ligações
posts mais comentados
58 comentários
25 comentários
tags

antero

avaliação do desempenho

bancarrota

blogues

campanhas eleitorais

cartoon

circunstâncias pessoais

coisas tontas

concursos de professores

contributos

corrupção

crise da democracia

crise da europa

crise financeira

desenhos

direitos

economia

educação

efemérides

escolas em luta

estatuto da carreira

falta de pachorra

filosofia

fotografia

gestão escolar

história

humor

ideias

literatura

movimentos independentes

música

paulo guinote

política

política educativa

professores contratados

público-privado

queda de crato

rede escolar

ultraliberais

vídeos

todas as tags

favoritos

bloco da precaução

pensar o sistema escolar ...

escolas sem oxigénio

e lembrei-me de kafka

as minhas calças brancas ...

as minhas calças brancas ...

reformas e remédios (1) -...

sua excelência e os númer...

subscrever feeds
blog participante - Educaá∆o - correntes .jpg
Por precaução
https://www.createspace.com/5386516
mais sobre mim
Razões de uma candidatura
https://www.createspace.com/5387676